Concurso Senado Federal Autorizado

Orgão: Senado Federal
Nº vagas: 40
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Técnicos e Analistas
Áreas de Atuação: Administrativa, Operacional
Escolaridade: Não definido
Faixa de salário: De R$ 18591,00 Até R$ 32020,00
Estados com Vagas: DF

Publicado em 10/08/2018, às 11h38 - Atualizado em 20/05/2020, às 15h05


O novo concurso Senado Federal já está autorizado e contará com uma oferta de 40 vagas, sendo 24 para cargos com exigência de ensino médio e 16 para nível superior, com remunerações iniciais de até R$ 32.020,77. Comissão do concurso já está formada. Com isto, o próximo passo é definir o nome da banca organizadora , para então publicar o edital de abertura de inscrições. A convocação para a apresentação de propostas já foi pbulicada. A aplicação das provas deve ocorrer em todas as capitais. 

Concurso Senado Federal - Saiba mais sobre a seleção

O presidente da comissão do aguardado concurso Senado Federal, Roberci Ribeiro de Araújo afirmou, na última terça-feira, 19 de maio, que a assinatura do contrato com a banca organizadora deve ser assinado até junho. Porém, ainda não confirma quando o edital de abertura de inscrições poderá ser publicado. De acordo com ele ainda não é possível prever quando o documento será publicado em decorrência da crise de saúde ocasionada pelo Coronavírus. Mas reforçou que a intenção é concluir o certame ainda em 2020. 

Com a publicação, na última segunda, dia 18, do aviso de chamamento público para que as empresas interessadas em organizar a seleção apresentem suas propostas, o presidente da comissão ressalta que, com base nos dados recebidos pelas bancas será possível identificar os custos do certame, bem como valores de taxas de inscrição. "Esse é um procedimento interno de instrução da contratação O intuito é identificar o preço médio e, com base nos aspectos técnicos jurídicos, econômicos, financeiros, fiscais e trabalhistas, saber quais instituições demonstram melhores condições de executar o concurso — explicou Roberci.

Ao todo serão oferecidas 40 vagas efetivas, sendo 24 para cargos com exigência de ensino médio e 16 de nível superior, com remunerações iniciais que variam de R$ 18.591,18 a R$ 32.020,77. Além disso, a seleção também será destinada a formar cadastro reserva de pessoal. 

Para quem possui ensino médio, o concurso contará com 24 vagas para o cargo de  técnico legislativo nível II, com inicial de R$ 18.581,18, considerando salário de R$ 4.257,57, gratificação de atividade legislativa de R$ 9.366,62, gratificação de representação de R$ 2.412,45 e gratificação de desempenho de R$ 2.554,54

Para analista legislativo, de nível superior, serão 12 postos, sendo 2 para a área de administração, 1 para arquivologia,  1 para assistente social, 1 para contabilidade, uma para enfermagem, 1 para informática legislativa, 2 para processo legislativo, 1 para registro e redação parlamentar, 1 para engenharia do trabalho e 1 para engenharia eletrônica e telecomunicações. Para estas carreiras, o inicial é de R$ 24.782,47, incluindo salário básico de R$ 6.550,09, gratificação de atividade legislativa de R$ 10.339,10, gratificação de representação de R$ 3.963,33 e gratificação de desempenho de R$ 3.930,05

Por fim, ainda para quem possui nível superior, o concurso contará com 4 vagas para advogados. O inicial é de R$ 32.020,77, incluindo salário de R$ 7.627,60, gratificação de atividade legislativa de R$ 14.302,42, gratificação de representação de R$ 5.514,19 e gratificação de desempenho de R$ 4.576,56

A comissão do concurso é presidida pelo servidor Roberci Ribeiro de Araújo, tendo como vice-presidente o servidor Kleber Minatogau. Agora, além de Beatriz Balestro Izzo e João Pedro de Souza Lobo Caetano, integram a comissão Leonardo Souza de Oliveira, Rafael Pimente Weitzel, Roberci Ribeiro de Araújo e Rodrigo Galha.  Saiu do grupo o servidor Everaldo Bosco Rosa Moreira

Um ponto importante, confirmado recentemente pelo presidente da comissão, é que a aplicação das provas ocorrerá em todas as capitais. "A exemplo dos certames de 2008 e 2011, a possibilidade maior é de que a prova, ou pelo menos a primeira fase objetiva, seja disponibilizada em todas as capitais brasileiras", disse. 

Concurso Senado Federal - veja convocação para escolha da banca

AVISO DE CHAMAMENTO PÚBLICO

O PRESIDENTE DA COMISSÃO EXAMINADORA designada pela Portaria do Presidente do Senado Federal nº 20/2019, em conformidade com o Ato da Comissão Diretora do Senado Federal nº 2/2019, Processo nº 00200.016726/2019-26, convida as instituições interessadas em operacionalizar o concurso público para o provimento de cargos efetivos do Senado Federal a enviar proposta técnica para seleção e contratação da organizadora do certame, no prazo de 8 (oito) dias úteis contados da presente publicação, observados os termos do projeto básico simplificado, o qual será disponibilizado aos representantes legais das proponentes mediante a apresentação do instrumento de outorga de poderes, com firma reconhecida em cartório ou mediante o uso de certificado digital ICP-Brasil, e da assinatura do termo de confidencialidade.

As propostas e a documentação pertinente serão recebidas por meio eletrônico, no e-mail comissaoexaminadora@senado.leg.br, ou presencialmente, no horário comercial, mediante prévio agendamento, no seguinte endereço: SENADO FEDERAL - Presidente da Comissão Examinadora do Concurso Público - Praça dos Três Poderes - Bloco 2 (Ed. Senador Ronaldo Cunha Lima) - 1º Andar - Brasília/DF - CEP 70165-900.

ROBERCI RIBEIRO DE ARAÚJO

 

Concurso Senado Federal - Veja dicas de língua portuguesa


Cronograma

Previsão
Estimativa
16/04/2019
Autorização do Concurso
Autorização concurso Senado Federal
03/10/2019

Notícias do concurso Senado Federal

Edital e Anexos

Autorização (03/10/2019) Autorização Concurso Senado Federal

Provas Senado Federal

Nenhuma prova encontrada


Comentários

Mais Lidas