MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Como emitir Nota Fiscal MEI após mudanças: veja um tutorial com o passo a passo

Aprenda a emitir a Nota Fiscal de Serviços eletrônica (NFS-e) após as recentes mudanças para MEIs. Confira o tutorial completo para emissão correta

Como emitir Nota Fiscal MEI após mudanças: veja um tutorial com o passo a passo
Divulgação
Victor Meira

Victor Meira

victor@jcconcursos.com.br

Publicado em 04/09/2023, às 16h24

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Para quem trabalha em regime de Microempreendedor Individual (MEI) teve que se adaptar a uma nova realidade desde o dia 1º de setembro. A partir dessa data, a Nota Fiscal MEI deverá ser emitida apenas por meio da Nota Fiscal de Serviços eletrônica (NFS-e). 

Agora, a emissão dessa nota segue um padrão nacional, deixando de ser realizada nos sites das prefeituras.

Por conta disso, diversos trabalhadores estão encontrando dificuldade para emitir a Nota Fiscal MEI por dois motivos. O primeiro é meramente técnico, uma vez que o site ficou fora do ar na última sexta-feira (01) e hoje também apresenta instabilidade. 

Já o segundo motivo é que o sistema difere do modelo da prefeitura e precisa preencher alguns campos adicionais. 

Por isso, o JC Concursos elaborou um pequeno tutorial de como emitir a Nota Fiscal MEI.

Tutorial para Emissão da NFS-e para MEI:

  1. Acesse o Portal do Governo: Visite o portal oficial do governo da sua cidade ou utilize o portal gov.br/nfse, ou por meio do Android e iOS, para acessar o sistema de emissão da NFS-e.

  2. Faça Login ou Cadastro: Se você já possui um cadastro no sistema, faça o login. Caso contrário, siga os passos para criar uma conta.

  3. Preencha os Dados: Complete os campos necessários com as informações da sua empresa e as informações da nota fiscal, como o tipo de serviço prestado, o valor e outros detalhes exigidos.

  4. Verifique os Dados: Antes de finalizar a emissão, verifique cuidadosamente todas as informações fornecidas para garantir que estejam corretas.

  5. Emita a NFS-e: Após revisar e confirmar os dados, clique na opção para emitir a NFS-e.

  6. Guarde a NFS-e: Após a emissão bem-sucedida, certifique-se de salvar uma cópia da NFS-e, pois ela é importante para comprovar a prestação de serviços.

  7. Arquive os Registros: Mantenha registros organizados de todas as NFS-e emitidas, pois esses documentos são necessários para a prestação de contas e o cumprimento das obrigações fiscais.

Lembrando que, mesmo com a padronização da NFS-e, podem haver pequenas variações nos procedimentos dependendo do município em que você está registrado como MEI. Portanto, é fundamental consultar as diretrizes específicas da sua cidade e, se possível, buscar assistência junto à prefeitura local ou a órgãos de apoio, como o Sebrae.

Você pode também verificar as informações atualizadas diretamente no portal oficial da Nota Fiscal de Serviços eletrônica do seu município ou utilizar recursos do Sebrae para obter orientações precisas e atualizadas sobre a emissão da NFS-e como MEI.

+++Acompanhe as principais notícias sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.