MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Força Aérea Brasileira vai repatriar brasileiros afetados pela guerra em Israel

Os aviões brasileiros buscarão os cidadãos sempre no período da tarde. Estima-se que 14 mil brasileiros residam em Israel e 6 mil na Palestina

Estima-se que 14 mil brasileiros residam em Israel e 6 mil na Palestina
Estima-se que 14 mil brasileiros residam em Israel e 6 mil na Palestina - Agência Brasil
Pedro Miranda

Pedro Miranda

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 09/10/2023, às 19h23

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) decolou de Natal (RN) neste domingo (8) com destino a Roma, na Itália, como parte dos esforços para repatriar brasileiros que desejam deixar a Palestina ou Israel devido ao recente conflito na região. O governo brasileiro reservou seis aeronaves para essa operação humanitária, que envolve a participação de médicos e psicólogos para auxiliar os cidadãos afetados.

Inicialmente, um dos aviões KC-30 seguirá para a Itália, onde ficará mais próximo da área do conflito enquanto as embaixadas da região finalizam a lista de brasileiros que serão repatriados. O comandante da FAB, tenente-brigadeiro do Ar Marcelo Damasceno, destacou a flexibilidade da missão, que pode envolver a utilização de aeroportos em países vizinhos a Israel e Palestina, facilitando o deslocamento dos brasileiros.

Os aviões brasileiros buscarão os cidadãos sempre no período da tarde, considerando as dificuldades de transporte terrestre durante o atual cenário de crise. Até o momento, um brasileiro está ferido e três estão desaparecidos após participarem de um festival de música em Israel.

Estima-se que 14 mil brasileiros residam em Israel e 6 mil na Palestina

O Ministério das Relações Exteriores estima que cerca de 30 brasileiros estejam atualmente vivendo na Faixa de Gaza, enquanto outros 60 estão localizados em Ascalão e em áreas afetadas pelo conflito. Por outro lado, na região de Israel, a embaixada brasileira já coletou informações sobre aproximadamente 1.000 brasileiros que estão em Tel Aviv e Jerusalém e manifestaram interesse em retornar ao Brasil. A maioria dessas pessoas são turistas que se encontram atualmente em território israelense.

Nos últimos anos, as Forças Armadas conduziram quatro operações de repatriação, utilizando meios aéreos e terrestres, em locais como Turquia, Ucrânia, China e Bolívia. Essas operações envolveram cinco aeronaves e 30 viaturas, resultando no resgate de aproximadamente 6.600 pessoas, incluindo brasileiros e estrangeiros.

Além das operações de repatriação, o Brasil convocou uma reunião extraordinária do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU), que ocorrerá neste domingo (8) na sede da entidade em Nova Iorque. Como atual presidente do órgão, o Brasil liderará discussões e tomará decisões no âmbito internacional em relação aos ataques no Oriente Médio.

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.