MenuJC Concursos
Busca
Notícias | | Aulas Grátis | Provas anteriores | Simulados | Empregos | Brasil

Fraudes no Auxílio Emergencial: Polícia Federal investiga prejuízo que pode chegar a R$ 1 milhão

Polícia Federal deflagra Operação Decipit contra fraudes no Auxílio Emergencial em SP e RJ; prejuízo para o governo pode chegar a R$ milhão. Saiba mais

Jean Albuquerque | redacao@jcconcursos.com.br
Publicado em 21/03/2022, às 17h42

Polícia Federal investiga prejuízo que pode chegar a R$ 1 milhão
Polícia Federal investiga prejuízo que pode chegar a R$ 1 milhão - Divulgação
WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

A Polícia Federal (PF) deflagrou uma operação contra fraudes no Auxílio Emergencial nesta segunda-feira (21). Ao todo, foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão em desfavor de suspeitos de fraudar o benefício. O prejuízo pode chegar a R$ 1 milhão de reais. 

Os mandados da Operação Decipit  foram cumpridos nas cidades do Rio de Janeiro, Angra dos Reis (RJ), Barueri e Carapicuíba, as últimas em São Paulo. Segundo investigações, o grupo criminoso utilizava listas publicadas nos sites dos tribunais eleitorais (TREs). 

As informações eram usadas para realizar o cadastro no portal do governo federal. Logo após, a organização criminosa realizava o requerimento indevido do benefício no aplicativo Caixa Tem. 

Outras Fraudes para conseguir Auxílio Emergencial indevido 

Como apontou as investigações da PF, os acusados de realizar fraudes no Auxílio Emergencial também utilizavam-se de outros crimes, como o cadastramento de chips de celular em nome dos beneficiários e documentos falsos para dar a impressão de que o cadastro para receber o benefício era verdadeiro. 

O criminoso que é suspeito de liderar o grupo foi preso em flagrante por falsificação de documento, no bairro de Santíssimo, na cidade do Rio de Janeiro. Contra ele, já possuía processos por estelionato e falsificação de documentos em 2016, no Estado do Paraná. Outras cinco pessoas também são investigadas pela operação Decipit.   

Saiba como denunciar Fraude no Auxílio Emergencial 

Para realizar a consulta no sentido de conhecer se os seus dados foram utilizados indevidamente por terceiros para receber o Auxílio Emergencial, o cidadão precisa realizar a consulta no site do Dataprev: https://consultaauxilio.dataprev.gov.br/ para saber se houve solicitação e pagamento do benefício para o seu CPF. 

Ao ser confirmada a irregularidade, o usuário precisa ir pessoalmente em uma agência da Caixa Econômica Federal (CEF) e realizar a contestação, informando o uso indevido de dados para fraude no Auxílio Emergencial. O portal do governo federal, Gov.br possui uma página específica com o passo a passo para realizar a denúncia do crime. Confira aqui

+++ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google News e acompanhe nossos destaquesSociedadeBrasil

Comentários

Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.