MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Ganhou muitos ovos de Páscoa? Saiba qual é a quantidade ideal de chocolate por dia

A Páscoa é uma celebração cristã que comemora a ressurreição de Jesus Cristo. Então, por qual motivo surgiram os ovos de Páscoa?

Homem pega ovo de Páscoa dourado
Homem pega ovo de Páscoa dourado - Divulgação
Mylena Lira

Mylena Lira

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 09/04/2023, às 11h07

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

A Páscoa, enfim, chegou! A Páscoa é uma celebração cristã que comemora a ressurreição de Jesus Cristo. Segundo a tradição cristã, Jesus foi crucificado e morreu na sexta-feira que é conhecida como Sexta-feira Santa. Três dias depois, no domingo, ele ressuscitou dos mortos, vencendo a morte e abrindo o caminho para a vida eterna. Então, por qual motivo surgiram os ovos de Páscoa?

A tradição do coelho como símbolo da Páscoa tem origem em países europeus como a Alemanha, onde a figura do coelho era associada à fertilidade e ao renascimento da natureza na primavera. Com o tempo, o coelho passou a ser relacionado à ressurreição de Jesus Cristo, que simboliza a vida nova e a renovação.

Já a tradição do ovo de chocolate como presente na Páscoa é mais recente, datando do século XIX. Antes disso, era comum presentear amigos e familiares com ovos pintados ou decorados com desenhos simbólicos. A tradição de presentear ovos de chocolate começou na Europa e rapidamente se espalhou pelo mundo todo.

Assim como o coelho, o ovo de Páscoa também simboliza a renovação da vida e do ciclo natural das coisas e a fertilidade. Por isso, hoje em dia, o coelho e o ovo de chocolate são figuras presentes em muitas celebrações da Páscoa.

+Saiba como regularizar o CPF nas Agências dos Correios para a declaração do IRPF

Origem da Páscoa

A celebração da Páscoa tem origem na tradição judaica da festa da Páscoa, que comemorava a libertação dos hebreus da escravidão no Egito. Na época de Jesus, muitos judeus seguiam a tradição da festa da Páscoa e, após a morte de Jesus, seus seguidores começaram a celebrar a ressurreição no domingo seguinte à primeira lua cheia da primavera, que também coincide com a data da Páscoa judaica.

Com o tempo, a celebração da Páscoa tornou-se uma das principais datas do calendário cristão e é comemorada em todo o mundo de diferentes formas. Além dos aspectos religiosos, a Páscoa também é associada a tradições como a decoração de ovos, a distribuição de chocolates e a reunião de famílias para celebrar a vida e a renovação.

+Conquista histórica! Mulher negra assume um dos cargos mais altos da Marinha do Brasil

Existe limite para consumo de ovos de Páscoa?

Embora seja um dos símbolos da Páscoa mais famoso, consumir muito ovo de chocolate pode ser prejudicial à saúde. Embora o chocolate possa trazer benefícios para a saúde em pequenas quantidades, consumir grandes quantidades pode causar o efeito contrário.

Não existe uma quantidade ideal de consumo de chocolate por dia, já que isso pode variar de acordo com o tipo de chocolate, o teor de cacau, a idade e o estado de saúde da pessoa. No entanto, recomenda-se que o consumo diário de chocolate não ultrapasse 30 gramas por dia, o que equivale a cerca de um quadradinho de chocolate amargo.

Consumir muito chocolate na Páscoa pode trazer alguns perigos para a saúde, pois o produto pode conter altas quantidades de açúcar e gordura. Entre os problemas que comer chocolate em excesso pode ocasionar estão:

  • ganho de peso excessivo;
  • aumento do risco de cáries dentárias;
  • agravamento de condições como diabetes e hipertensão arterial; e
  • aumento dos níveis de colesterol e triglicerídeos no sangue.

Outro problema relacionado ao consumo excessivo de chocolate é a presença de cafeína e teobromina, substâncias estimulantes que podem aumentar a frequência cardíaca e a pressão arterial, causando sintomas como ansiedade, insônia e tremores.

Portanto, é importante lembrar que o chocolate pode ser um alimento prazeroso e saudável, mas quando consumido em pequenas quantidades. Na Páscoa, é possível desfrutar do chocolate sem exageros, optando por porções menores e chocolates com teor de cacau mais elevado, que contêm menos açúcar e mais antioxidantes benéficos para a saúde.

+++Acompanhe as principais notícias sobre Sociedade no JC Concursos.

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.