MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

iFood está falindo? Empresa demite mais de 6% dos funcionários; entenda o motivo

iFood comentou que o motivo da demissão em massa foi motivado pelo atual cenário econômico mundial

Motoboy do iFood
Motoboy do iFood - Divulgação
Victor Meira

Victor Meira

victor@jcconcursos.com.br

Publicado em 01/03/2023, às 17h41

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O iFood está falindo? Essa pergunta está sendo feita com frequência nas redes sociais. Afinal de contas, a principal empresa de entrega de alimentos via delivery demitiu cerca de 6% do seu quadro de funcionários. Segundo o portal UOL, a companhia demitiu 355 profissionais. 

As demissões foram confirmadas pelo próprio iFood. Segundo a companhia, o motivo para mandar os colaboradores embora foi o "atual cenário econômico".

+Quarta-feira de sorte? Mega-Sena está acumulada em R$ 9 milhões; veja como apostar na internet

O iFood tomou hoje a difícil decisão de descontinuar algumas posições internas, impactando em postos de trabalho de colaboradores, que ajudaram a escrever a nossa história. O atual cenário econômico mundial tem exigido das empresas ações imediatas na busca por novas rotas para enfrentar essas adversidades. Não foi diferente com o iFood”, diz a empresa em nota.

O iFood ainda diz que lamenta a perda dos funcionários e que está comprometido em “garantir que esse momento difícil seja conduzido com o máximo de cuidado e respeito a essas pessoas”. 

Profissionais como estagiários, analistas e gerentes foram afetados pelos cortes. Diversas áreas sofreram impacto, incluindo engenharia de software, gestão de produtos, desenvolvimento de negócios, marketing e UX (experiência do usuário).

Para o UOL, um ex-funcionário da empresa, que não quis se identificar, comentou que o iFood já teria avisado que realizaria demissões no fim de março. "A surpresa foi ser no início [do mês]".

+Você pode estar rico e nem sabe! BC recebe mais de 5 milhões de consultas sobre dinheiro esquecido

Crise do iFood: empresa não terá mais exclusividade com empresas de alimentação

O iFood perdeu a exclusividade de contratos com grandes redes de restaurantes, como McDonald's, Habib's e Outback. Não apenas essas, a medida vale para marcas com mais de 30 unidades.

Ainda no ano passado, iFood já tinha demitido vários funcionários, apenas de não ter informado a quantidade de desligamentos, além de reduzir novas contratações pela metade. Naquela época, a empresa justificou os cortes como uma medida para buscar "maior eficiência" e "foco" no negócio.

+++Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.