MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

INSS: governo lança cartão virtual nesta segunda (22); conheça os benefícios

Cartão virtual de benefícios Meu INSS+ foi lançado nesta segunda-feira (22) pelo Ministério da Previdência Social em parceria com o órgão federal

Ministro da previdência, Carlos Lupi acompanhado do presidente do INSS, Glauco André Fonseca
Ministro da previdência, Carlos Lupi acompanhado do presidente do INSS, Glauco André Fonseca - Agência Brasil
Jean Albuquerque

Jean Albuquerque

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 22/05/2023, às 20h42

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O Ministério da Previdência Social e o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), lançaram em conjunto, nesta segunda-feira (22), o cartão virtual de benefícios, intitulado Meu INSS+ para oferecer maior inclusão e vantagens aos segurados. 

O cartão virtual será disponibilizado no aplicativo Meu INSS pela Dataprev, sendo totalmente virtual e funcionando em colaboração com os bancos públicos: Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal.

Embora haja poucas informações sobre o funcionamento da nova plataforma, é esperado que o cartão virtual Meu INSS+ proporcione benefícios aos aposentados e pensionistas, como descontos em cinemas, shows, academias, lojas, cupons de desconto para viagens e serviços de telemedicina, entre outros.

No Banco do Brasil, os benefícios estarão disponíveis inclusive para não correntistas. Na Caixa Econômica Federal, as vantagens são exclusivas para aqueles que recebem aposentadoria ou benefícios por meio dessa instituição financeira.

O presidente do INSS, Glauco André Fonseca Wamburg, acrescenta que, inicialmente, a parceria será com o Banco do Brasil e a Caixa Econômica, mas há planos de buscar outros bancos e entidades públicas e privadas para se juntarem ao Meu INSS+.

Estima-se que mais de 400 mil cidadãos acessem o aplicativo ou site Meu INSS para emitir declarações de benefícios em formato PDF. A carteira do beneficiário Meu INSS+ será direcionada para esse público, permitindo não apenas comprovar o vínculo com o INSS, mas também usufruir do "clube de vantagens".

+ Receita abre consulta ao 1º lote de restituição nesta quarta; Descubra como fazer

Consulta ao 13º liberada! 

O Governo Federal resolveu antecipar o abono natalino para aposentados e pensionistas. Cerca de 30 milhões de pessoas serão contempladas pelo benefício, incluindo aqueles que receberam auxílio-acidente, aposentadoria, pensão por morte, auxílio-reclusão ou por incapacidade temporária de trabalho.

Os valores do 13º salário e do calendário de maio já podem ser consultados, o órgão federal antecipou o acesso. Os canais para checar essas informações são do site ou do aplicativo MEU INSS, disponível para os sistemas (Android e iOS).

Para aqueles que não possuem acesso à internet, podem realizar a consulta ligando para a Central de Atendimento do INSS, no número 135, de segunda-feira a sábado, das 7h até às 22h, no horário de Brasília.

Veja calendário 

Para saber o dia exato do recebimento, o segurado deve verificar o número do benefício (NB) que possui dez dígitos no formato: 999.999.999-9. A primeira parcela será paga em maio, já com novo valor do salário mínimo (R$ 1.320). 

Primeira parcela 

Para quem recebe até um salário mínimo (R$ 1.320)

  • Penúltimo dígito 1 - 25 de maio;
  • Penúltimo dígito 2 - 26 de maio;
  • Penúltimo dígito 3 - 29 de maio;
  • Penúltimo dígito 4 - 30 de maio;
  • Penúltimo dígito 5 - 31 de maio;
  • Penúltimo dígito 6 - 1 de junho;
  • Penúltimo dígito 7 - 2 de junho;
  • Penúltimo dígito 8 - 5 de junho;
  • Penúltimo dígito 9 - 6 de junho;
  • Penúltimo dígito 0 - 7 de junho.

Para quem recebe mais de um salário mínimo

  • Penúltimo dígito 1 e 6 - 1 de junho;
  • Penúltimo dígito 2 e 7 - 2 de junho;
  • Penúltimo dígito 3 e 8 - 5 de junho;
  • Penúltimo dígito 4 e 9 - 6 de junho;
  • Penúltimo dígito 5 e 0 - 7 de junho.

Segunda parcela 

Para quem recebe até um salário mínimo

  • Penúltimo dígito 1 - 26 de junho;
  • Penúltimo dígito 2 - 27 de junho;
  • Penúltimo dígito 3 - 28 de junho;
  • Penúltimo dígito 4 - 29 de junho;
  • Penúltimo dígito 5 - 30 de junho;
  • Penúltimo dígito 6 - 3 de julho;
  • Penúltimo dígito 7 - 4 de julho;
  • Penúltimo dígito 8 - 5 de julho;
  • Penúltimo dígito 9 - 6 de julho;
  • Penúltimo dígito 0 - 7 de julho.

Para quem recebe mais de um salário mínimo

  • Penúltimo dígito 1 e 6 - 3 de julho;
  • Penúltimo dígito 2 e 7 - 4 de julho;
  • Penúltimo dígito 3 e 8 - 5 de julho;
  • Penúltimo dígito 4 e 9 - 6 de julho;
  • Penúltimo dígito 5 e 0 - 7 de julho.

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.