MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | saúde | Sociedade | youtube jc

Lula afirma que discurso de ódio é estimulado por 'presidente irresponsável’

Ex-presidente Lula (PT) usou as redes sociais na manhã deste domingo (10) para prestar solidariedade à família de militante assassinado por bolsonarista

Jean Albuquerque | redacao@jcconcursos.com.br
Publicado em 10/07/2022, às 14h33 - Atualizado às 17h17

Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) fala durante evento
Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) fala durante evento - Roberto Sungi/Futura Press/Estadão Conteúdo
WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) usou as redes sociais na manhã deste domingo (10) para prestar solidariedade à família do militante petista Marcelo Arruda, 50. O guarda municipal foi assassinado na madrugada de hoje por três disparos de arma de fogo pelo bolsonarista Jorge da Rocha Guaranho, da Polícia Penal Federal (PPH), em Foz do Iguaçu, no Paraná. 

O militante petista ainda conseguiu revidar ao ataque de Guaranho, que segue internado em leito de UTI e foi atuado em flagrante, de acordo com o jornalista Renato Souza. O PT também divulgou uma nota lamentando o ocorrido, "intolerância, do ódio e da violência política".

+++ Garantia de estabilidade para trabalhador que sofreu acidente de trabalho? Veja prazo

Veja o que escreveu Lula nas redes sociais 

O petista em campanha presidencial escreveu nas redes sociais. "Nosso companheiro Marcelo Arruda comemorava o seu aniversário de 50 anos com a família e amigos, em paz, em Foz do Iguaçu. Filiado ao Partido dos Trabalhadores, sua festa tinha como tema o PT e a esperança no futuro; com a alegria de um pai que acabou de ter mais uma filha".

Lula afirmou que por intolerância, uma pessoa ameaçou e atirou no militante petista, que se defendeu e evitou uma tragédia maior. "Duas famílias perderam seus pais. Filhos ficaram órfãos, inclusive os do agressor. Meus sentimentos e solidariedade aos familiares, amigos e companheiros de Marcelo Arruda". 

"Também peço compreensão e solidariedade com os familiares de José da Rocha Guaranho, que perderam um pai e um marido para um discurso de ódio estimulado por um presidente irresponsável. Pelos relatos que tenho, Guaranho não ouviu os apelos de sua família para que seguisse com a sua vida. Precisamos de democracia, diálogo, tolerância e paz", disse o petista. 

Confira trecho da nota divulgada pelo PT 

Em trecho da nota divulgada, o partido chegou dizer que as "últimas imagens de sua vida, gravadas no momento em que cantavam o parabéns, registram sua alegria de viver, seu entusiasmo com a militância, seu compromisso de vida com o PT e o presidente Lula". 

A nota também foi divulgada pela presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann (PR), em suas redes sociais junto com um vídeo do militante em sua festa de aniversário. 

+++ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google News e acompanhe nossos destaquesSociedadeBrasil
Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.