MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | saúde | Sociedade | youtube jc

Não caia em golpe: saiba o teor das perguntas feitas no Censo 2022, que começa hoje

É importante responder o questionário, que demora de 5 a 16 minutos apenas, pois os dados são utilizados pelo governo para implementar políticas públicas. Aprenda a identificar o recenseador

MYLENA LIRA | REDACAO@JCCONCURSOS.COM.BR
Publicado em 01/08/2022, às 18h18

Recenseadora entrevista uma mulher
Recenseadora entrevista uma mulher - Divulgação
WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) lançou o Censo 2022 oficialmente nesta segunda-feira, 1° de agosto, em evento realizado no Museu do Amanhã, na cidade do Rio de Janeiro. Mais de 183 mil recenseadores começaram hoje a entrevistar brasileiros nos mais de 5,5 mil municípios do país. O IBGE estima fazer 89 milhões de entrevistas até o dia 31 de outubro.

De acordo com o IBGE, os resultados do levantamento são indispensáveis para a elaboração de políticas públicas, pois o Censo é a única fonte de referência nacional para o conhecimento das condições de vida da população em toda as cidades, com detalhamento por divisões administrativas de cada prefeitura e, ainda, por áreas urbanas e rurais.

São dois tipos de questionários distintos, um simplificado e um ampliado. O mais extenso conta com 77 perguntas, leva cerca de 16 minutos para ser respondido e será aplicado apenas a 11% das pessoas para fins de amostragem. O básico tem 26 perguntas, demora 5 minutos para ser concluído e vai abarcar os demais 89% dos entrevistados.

+Veja quem precisa licenciar o veículo em agosto no estado de São Paulo

Não caia em golpe no Censo 2022

É importante saber identificar os pesquisadores do IBGE e quais assuntos serão questionados para evitar sem vítima de eventual golpe. Todos os recenseadores estarão identificados com boné, colete e crachá. Dentro do crachá há um QR Code que pode ser lido pelo celular.

Com isso, o cidadão consegue confirmar o nome e a foto do recenseador e verificar se ele pertence ao quadro de servidores do Instituto. Também é possível checar a identidade do recenseador pela internet. Basta digitar o número da matrícula que consta no crachá no site do IBGE. Em caso de dúvida, basta ligar para o IBGE no número 0800 721 8181.

Os profissionais foram aprovados no concurso do IBGE e, além de comparecer presencialmente na residência, podem aplicar o questionário via ligação telefônica. Quem preferir, pode responder pela internet (no prazo de até 7 dias), após o recenseador fornecer um código necessário para preencher a pesquisa de forma online.

Confira abaixo o teor das perguntas, que não vão demandar o repasse de dados bancários e muito menos de senhas:

Questionário simplificado

  • identificação do domicílio;
  • informações sobre moradores;
  • características do domicílio;
  • identificação étnico-racial;
  • registro civil;
  • educação;
  • rendimento do responsável pelo domicílio;
  • mortalidade; e
  • dados da pessoa que prestou as informações.

Questionário ampliado

  • todas as perguntas do simplificado;
  • informações sobre trabalho;
  • rendimento;
  • casamento;
  • núcleo familiar;
  • fecundidade;
  • religião ou culto;
  • pessoas com deficiência;
  • migração interna e internacional;
  • deslocamento para estudo;
  • deslocamento para trabalho; e
  • autismo.

A pesquisa nacional é feita a cada 10 anos, mas a pandemia atrasou a coleta das informações sobre os brasileiros. O último Censo ocorreu em 2010, portanto deveria ter ocorrido em 2020, porém foi adiado por conta da crise sanitária e falta de recurso financeiro.

+Auxílio Brasil: valor de R$ 600 é insuficiente para 56% dos beneficiários, aponta Datafolha

Novidades do Censo 2022

Entre as novidades introduzidas pelo Censo 2022 está a maior identificação de pessoas que vivem em comunidades quilombolas e em comunidades indígenas, que terão questionários específicos. A pesquisa também conta com perguntas específicas para pessoas com deficiência e para pessoas diagnosticadas por profissional de saúde com transtorno do espectro autista (TEA).

O IBGE conta este ano com um data center para auxiliar no processamento das informações do Censo Demográfico 2022. A infraestrutura tecnológica preparada para o Censo deste ano permitirá que os resultados sejam divulgados de forma mais célere, ao contrário do que ocorreu em edições anteriores.

A meta é publicar, no início de 2023, as primeiras informações. Em dezembro de 2022, serão divulgados resultados preliminares do Censo referentes à população. Os resultados sobre domicílio, pirâmide etária, escolaridade e mercado de trabalho serão disponibilizados ao longo do ano de 2023.

*com informações da Agência Brasil

+++Acompanhe as principais notícias sobre Sociedade no JC Concursos.

Siga o JC Concursos no Google News e acompanhe nossos destaquesSociedadeBrasil
Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.