MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Pela 1ª vez, universidade do Brasil está entre 100 melhores faculdades do mundo

Veja ranking e saiba qual foi a universidade do Brasil que conquistou um feito histórico ao ser reconhecida entre as 100 melhores faculdades do mundo, de acordo com o QS World University Ranking 2024

Universitário segura diploma
Universitário segura diploma - Divulgação
Mylena Lira

Mylena Lira

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 27/06/2023, às 21h35

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

A Universidade de São Paulo (USP) conquistou um feito histórico ao ser reconhecida entre as 100 melhores faculdades do mundo, de acordo com o QS World University Ranking 2024. Divulgado hoje, dia 27 de junho, pela consultoria britânica especializada em ensino superior Quacquarelli Symonds (QS), esse ranking é considerado um dos principais indicadores da qualidade das instituições de ensino superior.

Pela primeira vez na história, uma universidade brasileira conseguiu entrar para a prestigiada lista das TOP 100. Esse marco representa um importante reconhecimento internacional para a USP, que ficou com a 85ª posição, e para o sistema de ensino superior do Brasil como um todo.

O QS World University Ranking 2024 avaliou quase 3 mil universidades de 104 países em sua vigésima edição. As três primeiras posições foram ocupadas pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) (1ª lugar), pela Universidade de Cambridge (2ª colocada) e pela Universidade de Oxford (que figura na 3ª posição).

O reitor da USP, Carlos Gilberto Carlotti Junior, destacou os pontos fortes que contribuíram para essa conquista: "Nossos pontos fortes foram a reputação acadêmica, a excelência das nossas pesquisas, o alto conceito que temos entre os empregadores e o impacto social do trabalho das pessoas que formamos."

Confira o ranking das 10 primeiras:

  • 1º Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) - Estados Unidos
  • 2º Universidade de Cambridge - Reino Unido
  • 3º Universidade de Oxford - Reino Unido
  • 4º Universidade Harvard - Estados Unidos
  • 5º Universidade Stanford - Estados Unidos
  • 6º Imperial College London - Reino Unido
  • 7º Instituto Federal de Tecnologia da Suíça (ETH Zurich) - Suíça
  • 8º Universidade Nacional de Singapura - Singapura
  • 9º Universidade College London - Reino Unidos
  • 10º Universidade da Califórnia – Berkeley - Estados Unidos

+Lei de Drogas: confira quanto o governo gasta por ano para aplicar a norma

Melhores faculdades do Brasil

Outras três instituições brasileiras figuraram entre as 500 melhores do mundo. A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) ficou na 220ª posição, seguida pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), na 371ª posição, e pela Universidade Estadual Paulista (Unesp), na 419ª colocação.

Ben Sowter, vice-presidente sênior da QS, expressou seu contentamento com o desempenho das universidades brasileiras neste ano: “O desempenho das universidades brasileiras nesta edição do ranking é um alívio muito bem-vindo após a trajetória descendente dos últimos anos. A USP atinge um marco significativo, entrando no alto escalão da excelência global do ensino superior e tornando-se a universidade mais bem classificada da América Latina”.

A metodologia do QS World University Ranking 2024 passou por uma atualização para refletir as mudanças nas prioridades dos estudantes e da sociedade em geral. Essa atualização busca fornecer uma visão mais alinhada às necessidades das gerações Z e Alpha, com o objetivo de moldar um futuro melhor para as próximas gerações.

Para mais informações sobre o ranking, é possível acessar a página do Escritório de Gestão de Indicadores de Desempenho Acadêmico (Egida) da USP. A conquista da USP representa um marco importante para o ensino superior brasileiro e demonstra o potencial de excelência acadêmica do país.

+Multa de trânsito por desrespeito ao rodízio de veículos pode acabar

Fuvest 2024

Quem quer entrar para a melhor faculdade do Brasil, a USP, precisar ser aprovado no vestibular da Fuvest, que será realizado em 19 de novembro, quando ocorre a prova objetiva, com questões de múltipla escolha. A segunda fase, com questões dissertativas, está agendada para os dias 17 e 18 de dezembro de 2023. Alguns cursos exigem aprovação em prova de habilidade específica, que serão aplicadas entre 3 e 6 de janeiro de 2024.

As inscrições para o concurso vestibular da Fuvest 2024 estarão abertas entre os dias 17 de agosto e 6 de outubro. Quem quer fazer o exame sem pagar a taxa de R$ 191 deve enviar o pedido de isenção ou redução do valor de inscrição até as 14h do dia 14 de julho de 2023, por meio deste link.

Podem se candidatar os interessados que atendam a algum dos seguintes critérios:

  • ter cursado ou concluído todo o ensino médio em escola do sistema público de ensino do Brasil;
  • ter cursado os dois primeiros anos do ensino médio em escola do sistema público de ensino do Brasil e estar matriculado no 3º ano do ensino médio em escola do sistema público de ensino do Brasil;
  • ter concluído o ensino médio por meio de exames nacionais de certificação, como o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja);
  • candidatos provenientes de escolas não pertencentes à rede pública de ensino, mas que mantenham educação gratuita;
  • candidatos provenientes de escolas pertencentes aos Sistemas Senai, Sesi ou Senac; ou
  • candidatos provenientes de escola particular ou privada, quando o candidato tiver obtido bolsa de estudos integral ou superior a 50% do valor da mensalidade.

Além disso, o interessado deve estar contemplado em alguma das quatro faixas de renda estabelecidas (conforme a renda pessoal bruta ou renda bruta per capita familiar):

  • renda de até R$ 1.980,00 – dá direito à isenção total da taxa de inscrição se atender às exigências do item 2.2. regulamento;
  • renda de até R$ 1.980,00 – dá direito à redução de 50% da taxa de inscrição, independentemente do atendimento às exigências do item 2.2.;
  • renda situada entre R$ 1.980,01 e R$ 2.640,00 – dá direito à redução de 50% da taxa de inscrição; e
  • renda situada entre R$ 2.640,01 e R$ 3.960,00 – dá direito à redução de 50% da taxa de inscrição, desde que atenda às exigências do item 2.2. do regulamento.

+++Acompanhe as principais notícias sobre Sociedade no JC Concursos.

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.