MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Pix Automático: Banco Central adia lançamento e anuncia novo prazo

Banco Central (BC) anunciou ontem (3) durante a 20ª reunião plenária do Fórum Pix, a decisão de adiar o lançamento do Pix Automático; Saiba mais

Celular aberto com o site do Banco Central
Celular aberto com o site do Banco Central - Agência Brasil
Jean Albuquerque

Jean Albuquerque

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 04/10/2023, às 16h00

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O método de pagamento instantâneo criado pelo Banco Central (BC) conhecido como PIX caiu no gosto dos brasileiros e passou a ser uma ferramenta indispensável para realizar transações bancárias.

O BC anunciou ontem (3), durante a 20ª reunião plenária do Fórum Pix, a decisão de adiar o lançamento do Pix Automático. Essa nova função, que permitirá pagamentos recorrentes por meio do Pix, estava originalmente programada para abril de 2024.

O adiamento se deve à complexidade e às diversas funcionalidades em desenvolvimento. Durante a reunião, o Fórum Pix divulgou o cronograma definitivo para o Pix Automático, que permitirá pagamentos periódicos de forma automática, com autorização prévia do pagador. 

De acordo com esse novo cronograma recém divulgado, todo o arcabouço regulatório será divulgado em dezembro deste ano, com o lançamento completo previsto para outubro de 2024.

+ Concurso público para carreiras policiais: Papiloscopista ajuda a desvendar crimes

Febraban anuncia sela contra fraudes no PIX 

No combate a esse tipo de crime, Walter Tadeu Pinto de Faria, diretor-adjunto de Serviços da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), anunciou uma iniciativa chamada "Selo de Prevenção a Fraude". Essa medida tem como objetivo apoiar os brasileiros na defesa contra golpes financeiros.

O "Selo de Prevenção a Fraude" servirá como um indicativo para os usuários avaliarem se as instituições bancárias estão aderindo ao compromisso de seguir as normas de segurança. 

Ele funcionará como um mecanismo regulatório para essas empresas, estabelecendo requisitos mínimos para garantir a segurança dos clientes. A Febraban conduzirá essa avaliação com o auxílio de consultorias, verificando anualmente se os bancos estão conforme essas regras.

Walter Tadeu Pinto de Faria explicou que essa ação permitirá aos usuários identificar quais bancos estão priorizando a segurança de seus clientes e que essas instituições estão empenhadas em encontrar maneiras adicionais de protegê-los.

Além do selo, outra medida para reforçar a segurança está sendo implementada, chamada de "Celular Seguro". Esse aplicativo será destinado às vítimas de roubo, permitindo que elas entrem em contato com suas operadoras para solicitar o bloqueio de seus smartphones. 

Essa iniciativa é resultado de uma colaboração entre a federação, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e o Ministério da Justiça. 

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.