MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Saiba tudo sobre a vacina contra a dengue; campanha começa em fevereiro

Brasil registrou 1,6 milhão de casos de dengue e 94 mortes em 2023. Por enquanto, Brasil enfrenta o desafio de uma quantidade inicialmente limitada de doses da vacina contra a dengue

Brasil registrou 1,6 milhão de casos de dengue e 94 mortes em 2023
Brasil registrou 1,6 milhão de casos de dengue e 94 mortes em 2023 - Canva/JC Concursos
Pedro Miranda

Pedro Miranda

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 15/01/2024, às 21h15

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O Ministério da Saúde anunciou nesta segunda-feira (15) a priorização da imunização de crianças e adolescentes de 6 a 16 anos contra a dengue. A campanha de vacinação tem previsão de início para o mês de fevereiro deste ano.

O país, pioneiro ao oferecer o imunizante na rede pública, enfrenta o desafio de uma quantidade inicialmente limitada de doses, com acesso a até 6 milhões de vacinas em 2024. Dado que a aplicação requer duas doses, no máximo 3 milhões de pessoas serão vacinadas neste ano.

O diretor do Programa Nacional de Imunizações (PNI), Eder Gatti, destacou que a faixa etária de 6 a 16 anos será a principal prioridade, e dentro desse grupo, será decidido qual subgrupo será atendido primeiro, considerando fatores como hospitalização.

📲 Junte-se ao canal de notícias do JC Concursos no WhatsApp

A definição sobre a faixa etária inicial, grupos prioritários e a quantidade de doses a ser distribuída aos estados será tomada na próxima semana, durante uma reunião marcada para quinta-feira (25).

🦟 Brasil registrou 1,6 milhão de casos de dengue e 94 mortes em 2023

A vacina, conhecida como Qdenga, desenvolvida pelo laboratório japonês Takeda Pharma, foi aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em 2023 e agora faz parte do Programa Nacional de Imunizações (PNI).

Em 2023, o Brasil registrou 1,6 milhão de casos de dengue e 94 mortes, enquanto neste ano os casos ultrapassam 10 mil, com sete mortes em investigação. A vacina Qdenga contém vírus vivos atenuados da dengue, induzindo respostas imunológicas contra os quatro sorotipos do vírus.

Apesar de a Takeda conseguir entregar cerca de 5 milhões de doses de fevereiro a novembro, o número de pessoas imunizadas será menor devido à necessidade de duas doses para o ciclo completo. O Ministério da Saúde está em negociações para receber doações, o que poderia elevar a quantidade de doses para 6 milhões.

A decisão final sobre a distribuição será tomada durante a reunião da Comissão Intergestores Tripartite (CIT) na próxima semana. A Qdenga é indicada para pessoas de 4 a 60 anos, sendo a primeira vacina liberada no país para aqueles que nunca foram infectados pelo vírus da dengue.

Restrições incluem pessoas com alergias aos componentes, sistema imunológico comprometido, condição imunossupressora, gestantes e lactantes. Desde a aprovação pela Anvisa em março de 2023, clínicas particulares disponibilizam a vacina, que agora integra o PNI, oferecendo-a gratuitamente pelo SUS.

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.