MenuJC Concursos
Busca
Notícias | | Aulas Grátis | Provas anteriores | Simulados | Empregos | Brasil

Secretaria de Educação de SP alerta sobre golpe no Bolsa do Povo; saiba mais

Os beneficiários precisam ficar atentos ao novo golpe no Bolsa do Povo Educação (BPE); Secretaria de Educação de SP usou o Twitter para alertar bolsistas

Jean Albuquerque | redacao@jcconcursos.com.br
Publicado em 26/04/2022, às 20h00

Secretaria de Educação de SP alerta sobre golpe no Bolsa do Povo
Secretaria de Educação de SP alerta sobre golpe no Bolsa do Povo - Divulgação
WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

A Secretaria de Educação do Estado de São Paulo, usou as redes sociais, nesta terça-feira (26) para alertar sobre o golpe no Bolsa do Povo Educação (BPE). O programa social ofertado pelo governo de São Paulo beneficia pai, mãe ou responsável legal de alunos matriculados nas Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) do Centro Paula Souza (CPS). 

Cada beneficiário recebe o valor de R$ 500, durante seis meses que podem ter prorrogação até dezembro deste ano. Ao todo, são concedidas 2.368 bolsas em 2022, incluindo já os 140 bolsistas ativos, distribuídas por todas as Etecs e Fatecs do Estado. Cada unidade do Centro Paula Souza terá, no mínimo, quatro beneficiários.

Saiba como evitar golpe no Bolsa do Povo

A Secretaria da Educação de SP alertou sobre uma página falsa que vem fazendo publicações com oferta de cursos em nome do Programa Bolsa do Povo Educação. No twitter, a pasta informou que a página também utiliza de forma indevida a foto em que mostra um hospital estadual. 

O órgão estadual pediu para que os usuários só acessassem apenas o site oficial: http://bolsadopovo.sp.gov.br. Além de ressaltar que os beneficiários não devem fornecer os dados de cadastros em páginas que não sejam as oficiais do Governo de São Paulo. No caso daqueles que foram vítimas de golpe, é necessário procurar uma delegacia. 

Afinal, quais as atividades desenvolvidas pelos bolsistas do Bolsa do Povo?

O auxílio é concedido para que os bolsistas possam auxiliar as equipes gestoras das Etecs e Faculdades de Tecnologia do Estado (Fatecs) para o cumprimento do Protocolo Sanitário Institucional do CPS para a retomada das aulas presenciais.

O beneficiário precisa ter entre 18 e 59 anos, estar desempregado até, pelo menos, três meses, não ter comorbidades associadas à Covid-19, bem como residir no município onde está localizada a unidade em que o candidato pretende ser bolsista. Neste caso, é possível realizar a inscrição em até três Etecs ou Fatecs. 

+++ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google News e acompanhe nossos destaquesSociedadeBrasil
Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.