MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Setor do turismo estima criação de 85.795 postos de trabalho em alta temporada

Pesquisa da CNC aponta estimativa de criação de postos de trabalho para o setor de turismo na alta temporada; faturamento deve ser de R$ 155,87 bilhões

Turistas
Turistas - Divulgação JC Concursos
Jean Albuquerque

Jean Albuquerque

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 11/12/2023, às 15h57

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O setor do turismo estima a criação de 85.795 postos de trabalho durante a alta temporada — entre novembro de 2023 e fevereiro de 2024  —, estima pesquisa realizada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). O faturamento deve ser de R$ 155,87 bilhões.

Esse valor representa aumento real de 5,6% em relação ao mesmo período da última temporada, sendo a maior movimentação financeira do setor desde o início do levantamento, em 2012.

+ Projeto reduz superlotação e tempo de espera em hospitais públicos no Brasil

Maior número de vagas desde 2014 

Após a pandemia de covid-19, o mercado de trabalho no turismo começou uma recuperação gradual. Desde então, foram criadas 612 mil novas vagas. Agora, para esta alta temporada, a CNC estima a criação de 85.795 postos, o maior volume desde 2014.

O segmento de alimentação deve liderar as contratações, com mais de 45 mil postos gerados, seguido pelo de transportes em geral, com aproximadamente 20 mil, e hospedagem, com nove mil vagas. O salário médio de admissão deverá ser de R$ 1.930, uma alta real de 1,8% em relação à igual período do ano anterior.

A alta temporada do turismo no Brasil coincide com o período de férias escolares, contribuindo para o aumento da demanda por viagens. Além disso, a recuperação da economia global e a flexibilização das medidas de restrição à covid-19 também estão impulsionando o setor.

A CNC destaca que os números refletem o crescimento sólido que o turismo vem experimentando. A expectativa de aumento real demonstra a resiliência do setor diante dos desafios enfrentados nos últimos anos.

Pandemia impactou crescimento do setor de turismo 

O turismo brasileiro se recuperou da crise sanitária de 2020 e cresceu 7,9% no acumulado de 2023 até setembro. O faturamento real do setor avançou 22,2% em 2021 e 39,9% no ano passado.

A recuperação do turismo é impulsionada por diversos fatores, como o aumento real de salários, a redução dos juros ao consumidor e a estabilização dos preços. Além disso, a flexibilização das medidas de restrição à covid-19 também está contribuindo para o setor.

O presidente da CNC, José Roberto Tadros, afirma que os números da pesquisa indicam não apenas uma recuperação econômica do turismo, mas também a confiança renovada dos consumidores. 

“O otimismo que os números da pesquisa apresentam indica não apenas uma recuperação econômica do turismo, mas também a confiança renovada dos consumidores, impulsionando o mercado de viagens e contribuindo para a geração de empregos em diversas áreas relacionadas ao setor”, afirmou, em nota, Tadros.

Segundo ele, os indicativos positivos para a alta temporada sinalizam a capacidade de inovação e adaptação do setor do turismo. 

“Os indicativos positivos para a alta temporada sinalizam a capacidade de inovação e adaptação do setor do turismo, ‘que está se fortalecendo e se preparando para um período de crescimento consistente’”, afirmou.

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concurso

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.