MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

SUS irá fornecer gratuitamente novos comprimidos para tratamento de HIV

Com os avanços científicos contínuos, é possível proporcionar aos pacientes um tratamento mais assertivo. Veja os medicamentos incluídos no SUS

Pasta tem o prazo de até 180 dias para efetivar a oferta dos medicamentos no SUS
Pasta tem o prazo de até 180 dias para efetivar a oferta dos medicamentos no SUS - Divulgação/JC Concursos
Pedro Miranda

Pedro Miranda

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 19/07/2023, às 11h39

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O Ministério da Saúde deu um importante passo no combate à AIDS ao incorporar ao Sistema Único de Saúde (SUS) três medicamentos inovadores para o tratamento de pessoas vivendo com HIV. As portarias da Secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Complexo da Saúde foram publicadas no Diário Oficial da União e trazem esperança para milhares de pacientes em todo o país.

Os medicamentos que passam a fazer parte da lista do SUS são o Darunavir 800 mg, o Dolutegravir 5 mg e o Raltengravir 100 mg (granulado). A inclusão desses retrovirais representa um marco na luta contra o HIV e é parte do esforço contínuo do Departamento de HIV/Aids, Tuberculose, Hepatites Virais e Infecções Sexualmente Transmissíveis do Ministério da Saúde em aprimorar a resposta nacional ao HIV/Aids e oferecer tratamentos mais avançados e eficazes.

De acordo com Beatriz Kamiensky, especialista do departamento, a incorporação desses medicamentos pretende ampliar o elenco de antirretrovirais disponíveis e proporcionar maior comodidade posológica, potência e menor toxicidade aos pacientes vivendo com HIV/Aids. Além disso, a disponibilidade dessas novas opções terapêuticas visa aumentar a adesão ao tratamento e melhorar significativamente a qualidade de vida dos indivíduos afetados.

+++ Desenrola Brasil: governo inicia fase 2 com novos benefícios para endividados

Pasta tem o prazo de até 180 dias para efetivar a oferta dos medicamentos no SUS

A eficácia do tratamento com esses medicamentos é fundamental para evitar o enfraquecimento do sistema imunológico das pessoas que vivem com HIV e, consequentemente, reduzir o número de internações e infecções por doenças oportunistas. Com os avanços científicos contínuos, é possível proporcionar aos pacientes um tratamento mais assertivo, permitindo que tenham uma vida saudável e prolongada.

Cada medicamento desempenha um papel crucial no tratamento do HIV:

1. Darunavir 800 mg: Destinado a pacientes vivendo com HIV que apresentam falha virológica ao esquema de primeira linha e não apresentam mutações que indiquem resistência ao fármaco.

2. Dolutegravir 5 mg: Indicado como tratamento complementar ou substituto em crianças de dois meses a seis anos de idade, apresentando-se em forma de comprimidos dispersíveis.

3. Raltengravir 100 mg (granulado): Indicado para a profilaxia da transmissão vertical em crianças com alto risco de exposição ao HIV, especialmente aquelas nascidas de mães que vivem com o vírus.

O Ministério da Saúde está comprometido em tornar esses medicamentos disponíveis o mais rapidamente possível. Seguindo as portarias publicadas, a pasta tem o prazo de até 180 dias para efetivar a oferta dos medicamentos no SUS, garantindo que aqueles que mais precisam tenham acesso a tratamentos de ponta e possam viver com saúde e dignidade.

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.