MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Trabalhadores querem trocar empresas de vales-alimentação, aponta estudo inédito

Mercado de benefícios de vale-alimentação e vale-refeição é estimado em aproximadamente R$ 150 bilhões. A pesquisa também destacou algumas reclamações frequentes

A pesquisa também destacou algumas reclamações frequentes
A pesquisa também destacou algumas reclamações frequentes - Divulgação/JC Concursos
Pedro Miranda

Pedro Miranda

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 02/08/2023, às 20h31

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Uma pesquisa inédita realizada pela LCA, contratada pelo iFood, plataforma de delivery de refeições, trouxe à tona a insatisfação de mais de três em cada dez trabalhadores (36% do total) com as empresas emissoras de seus cartões de vale-alimentação (VA) e vale-refeição (VR). Os resultados apontaram que muitos desses trabalhadores gostariam de trocar suas empresas emissoras dos vales.

Realizada em julho do ano passado, a pesquisa ouviu cerca de 500 pessoas de todo o país e destacou algumas reclamações frequentes. Cerca de 38% dos trabalhadores que recebem o benefício se queixaram de que a bandeira atual não é aceita em todos os estabelecimentos, enquanto 18% apontaram que ela não oferece serviços de qualidade. Outra reclamação mencionada por 39% dos entrevistados é que a bandeira atual não oferece serviços inovadores.

Guilherme Paiva, head de Políticas Públicas do iFood, ressaltou que os dados evidenciam o desejo dos beneficiários de poderem escolher a empresa que melhor atenda suas necessidades. Ele também destacou a insatisfação com a estrutura atual do mercado, com um número limitado de estabelecimentos que aceitam o vale-benefício, e, em algumas regiões, nenhum restaurante ou supermercado opera com vale-refeição ou vale-alimentação.

+++ O que se sabe até AGORA sobre isenção para compras internacionais de até US$ 50

Mercado de benefícios de vale-alimentação e vale-refeição é estimado em aproximadamente R$ 150 bi

A Lei 14.442, sancionada em setembro do ano passado, tratou sobre o pagamento de auxílio-alimentação e estabeleceu que os trabalhadores poderiam realizar a portabilidade dos benefícios e usar o cartão em qualquer maquininha (interoperabilidade). No entanto, a lei ainda não foi regulamentada pelo governo atual, e sua implementação foi adiada para maio do próximo ano.

Segundo Paiva, a portabilidade e a interoperabilidade devem transformar o setor, aumentando a rede credenciada e beneficiando tanto os trabalhadores quanto o setor de restaurantes. Ele enfatizou que a interoperabilidade das maquininhas para o uso dos cartões de VR e VA pode reduzir significativamente as taxas atualmente cobradas dos restaurantes pelas grandes empresas que dominam o setor, gerando uma economia potencial de R$ 5,21 bilhões ao ano para o setor de bares e restaurantes.

O mercado de benefícios de vale-alimentação e vale-refeição é estimado em aproximadamente R$ 150 bilhões por ano e beneficia cerca de 23,4 milhões de trabalhadores, impulsionado pelo Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT).

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.