MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Transporte coletivo e de carga recebe prioridade em novo plano do governo

Programa de incentivo ao transporte coletivo e de carga ganha destaque nas políticas governamentais para tornar carros mais acessíveis. Veja detalhes

Programa reformulado tem previsão de duração de aproximadamente quatro meses
Programa reformulado tem previsão de duração de aproximadamente quatro meses - Agência Brasil
Pedro Miranda

Pedro Miranda

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 05/06/2023, às 17h06

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O programa que visa tornar carros populares mais acessíveis passou por modificações e agora dará prioridade aos setores de ônibus e caminhões. O anúncio foi feito pelo ministro da Fazenda, Fernando Haddad, durante uma coletiva de imprensa na manhã desta segunda-feira (3), no qual revelou as atualizações do programa.

Haddad se reuniu com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Palácio do Planalto para discutir o programa, antes de fornecer os detalhes à imprensa. O ministro enfatizou que o programa foi "repaginado" para focar mais no transporte coletivo e de carga, mas ressaltou que os carros também serão contemplados.

De acordo com Haddad, o programa reformulado será apresentado ainda hoje, após um evento no Palácio do Planalto sobre o Dia Mundial do Meio Ambiente.

+++ Novo grupo recebe aposentadorias e 13º do INSS nesta segunda; Veja calendário

Programa reformulado tem previsão de duração de aproximadamente quatro meses

No final de maio, o governo anunciou medidas para reduzir os preços dos carros com valor de até R$ 120 mil. Os benefícios fiscais visavam uma redução de até 10% nos preços. Na semana passada, o ministro Haddad afirmou que o presidente Lula já havia aprovado as propostas do ministério para viabilizar o programa.

O programa reformulado tem previsão de duração de aproximadamente quatro meses, e a renúncia fiscal esperada é inferior a R$ 2 bilhões, de acordo com o ministro. Além das alterações no programa de carros populares, outro tópico discutido durante o encontro entre Haddad e Lula foi o Programa Desenrola, que visa renegociar dívidas de pessoas físicas.

O governo tem buscado implementar medidas para promover o acesso a veículos mais baratos, impulsionar o transporte coletivo e a logística de transporte de carga, buscando atender às necessidades do país e contribuir para o desenvolvimento sustentável. Mais informações sobre as modificações e detalhes do programa serão divulgadas após a apresentação oficial no Palácio do Planalto.

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.