Tudo Sobre

Concurso DER

Concurso no órgão poderá ocorrer em breve

Legislativo e sindicato da categoria exigem realização de concurso. Há déficit de funcionários nas áreas operacional e de fiscalização



Redação
Publicado em 30/11/2010, às 11h49

O Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de São Paulo (DER/SP), órgão vinculado à Secretaria de Transportes (STrans), poderá abrir concurso em breve. Várias instâncias diretamente envolvidas – como o sindicato da categoria, o poder legislativo e o próprio executivo – já iniciam as movimentações para realizar um novo processo seletivo no órgão.

De acordo com Claudinei Manea, diretor financeiro do Sindicato dos Servidores e Empregados Públicos da Secretaria dos Transportes do Estado de São Paulo (Sisstesp), há hoje um déficit no DER de aproximadamente 1.600 profissionais. O diretor aponta as principais carreiras que demandam com urgência mais funcionários: motorista, operador de máquinas, topógrafo, técnico de laboratório, engenheiro, agente de pesagem e oficial administrativo. “A situação é difícil em todas as regiões do Estado. Há equipamentos parados por falta de servidores”, afirma Manea.

A Secretaria de Transportes informou apenas que o pedido para abertura de seleção está em fase de estudo pela diretoria de recursos humanos do DER. Em setembro, o governador Alberto Goldman publicou o decreto nº 56.213, que instituiu um grupo de trabalho com a missão de elaborar um novo quadro de pessoal no DER e por fim às necessidades de recursos humanos do órgão.  Segundo o documento, estarão envolvidos na comissão representantes das secretarias de Gestão Pública,  Economia e Planejamento, Fazenda e Transportes, além da Casa Civil e do próprio DER.    

No legislativo – No final de setembro, o governador Goldman enviou à Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) o orçamento do Estado, que fixa a despesa e orça a receita para o ano de 2011. Após a publicação do projeto de lei, que recebeu o número 711/2010, os parlamentares da casa contaram com um prazo para que fossem propostas emendas ao texto original do orçamento. Das 11.119 emendas apresentadas, uma em particular diz respeito ao quadro de pessoal do Departamento de Estradas de Rodagem paulista. Trata-se da emenda nº 382, que solicita a transferência de recursos para que possa ser realizado concurso com 773 vagas no DER.

A emenda, do deputado José Zico Prado (PT), especifica que o processo seletivo preencha 373 cargos para diversas funções operacionais, que incluem carreiras como as de motorista e operador de máquina, e 400 vagas de agente de pesagem, atividade que cuida da fiscalização.

Segundo Zico Prado, ele mantém contato com a categoria já há algum tempo e foram exatamente nesses encontros que o sindicato apresentou a difícil situação que enfrenta o DER. O deputado relembra ainda as atribuições desempenhadas pelo departamento, que é responsável por implantar rodovias e estradas, fazer restauração e manutenção das estradas estaduais e ainda manter convênios com as prefeituras para manutenção das estradas vicinais que cortam o Estado de São Paulo. “Um órgão com papel tão importante precisa estar bem equipado, seja em sua estrutura, seja em seu quadro de funcionários”, ressalta.

Análise da emenda – Encerrado o prazo para apresentação das emendas, o projeto de lei do orçamento 2011 seguiu, no último dia 17, para a comissão de finanças e orçamento da assembleia. Nesta etapa, o relator do orçamento, deputado Bruno Covas (PSDB), avaliará as mais de 11 mil emendas e incluirá ou não tais demandas ao projeto original do orçamento. Como explicou a assessoria do gabinete de Bruno Covas, o relator analisa as emendas em grupo e de acordo com temas e a área de pessoal, que abrange a abertura de concursos, costuma ser priorizada. “Espero que o Governo do Estado tenha sensibilidade para acatar nossa emenda e implementá-la o quanto antes”, conclui Zico Prado.

A comissão de finanças e orçamento terá até 17 de dezembro para aprovar o relatório do deputado Bruno Covas, com as emendas incluídas ou não. Em seguida, o projeto do orçamento irá para a votação em plenário. Se a solicitação de recursos para concurso no DER for incluída no orçamento paulista, ainda dependerá do Governo do Estado autorizar a abertura de nova seleção.

Concurso anterior – No final de 2009, o DER abriu processo seletivo para 93 oportunidades de níveis fundamental e técnico. Foram oferecidas três chances para auxiliar de laboratório (nível fundamental), 45 para motorista (nível fundamental + CNH categorias C, D ou E), 39 para operador de máquinas (nível fundamental + CNH categorias C, D ou E), três para topógrafo (curso técnico + registro em respectivo órgão de classe) e três para técnico de laboratório (curso técnico + registro em respectivo órgão de classe). Os salários variavam de R$ 530,06 a R$ 710.

Organizado pelo Instituto Zambini, as taxas custaram R$ 35 para técnico de laboratório e R$ 25 para as demais funções. Todos os candidatos enfrentaram prova objetiva e, os concorrentes às vagas de motorista e operador de máquinas, passaram também por exame prático.

Talita Fusco/SP

Veja também:

TJ/SC: edital para 204 cartórios pode sair ainda em 2010

HSPM/SP: edital de novo concurso deve sair em dezembro

+ Resumo do Concurso DER

DER
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Não definido
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão
Estados com Vagas: SP

+ Agenda do Concurso

30/11/2011 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas