Tudo Sobre

Concurso Fund. Oswaldo Cruz

Confirmada FGV como organizadora de concurso

Projeto de lei que acrescenta 150 vagas ao edital da futura seleção também foi aprovado. Expectativa é que edital seja publicado muito em breve.



Redação
Publicado em 13/07/2010, às 11h18

O Diário Oficial da União desta terça-feira, 13 de julho, publicou o extrato de contrato entre a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e a Fundação Getúlio Vargas (FGV). O nome da FGV como a organizadora do próximo concurso da Fiocruz já havia sido divulgado pela coordenadoria de comunicação social da presidência da fundação, mas faltava ainda a publicação oficial.

Desde fevereiro, a Fiocruz, que é vinculada ao Ministério da Saúde, está autorizada a realizar novo processo seletivo. Inicialmente, o Ministério do Planejamento deu o aval para que o órgão oferecesse 700 oportunidades, mas a instituição solicitou a abertura de mais 150 vagas.

A inclusão de tais ofertas foi aprovada na última semana, quando o Congresso Nacional votou o projeto de lei nº 08/2010. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deverá sancionar a lei nos próximos dias e, em seguida, a pasta do Planejamento deverá autorizar a inclusão destas novas chances na seleção da Fiocruz.

Com a aprovação das 150 vagas e a divulgação oficial do nome da organizadora, a expectativa é que o edital do concurso seja publicado muito em breve.

Oportunidades – A Fiocruz já divulgou o quadro de vagas do próximo concurso. De acordo com a fundação, as 850 oportunidades serão distribuídas entre as carreiras de pesquisador (96 vagas), tecnologista (266), analista (257), especialista (19), técnico (149) e assistente (63).

Quem possui ensino superior completo poderá disputar as vagas de pesquisador, especialista, tecnologista e analista. As oportunidades para técnico em saúde pública pedirão ensino técnico em área específica, enquanto as vagas de assistente técnico de gestão terão como requisito apenas a conclusão do ensino médio.

De acordo com a tabela de remuneração dos servidores públicos federais de 2010, os vencimentos básicos iniciais devem corresponder a R$ 5.558,82 (especialista), R$ 3.475,87 (pesquisador), R$ 3.048,03 (analista e tecnologista) e R$ 1.678,28 (técnico e assistente). Vale ressaltar que os futuros servidores terão direito a gratificações e outros benefícios.

Segundo informações da Fiocruz,  haverá chances  para as mais variadas áreas de atuação, de administração à zootecnia. Os interessados poderão concorrer às ofertas para a sede, no Rio de Janeiro, e também para os Estados de Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Amazonas, Paraná, Ceará, Mato Grosso do Sul, Rondônia, além do Distrito Federal. 

Última seleção – Em 2006, a Fiocruz abriu concurso para preencher mil oportunidades de níveis médio e superior. As vagas estavam distribuídas entre os cargos de técnico (180), analista (213), tecnologista (457) e assistente de pesquisa (150). Havia chances para diversas áreas de atuação e as remunerações iniciais variavam de R$ 1.266,98 (técnico) a R$ 3.753,38 (assistente de pesquisa com doutorado).

Os candidatos foram submetidos a exame objetivo. Para alguns cargos, houve também prova prática, avaliação de currículo e títulos e defesa de memorial.

Talita Fusco/SP

Veja também:

Polícia Civil/SP: presidente de Associação confirma novos concursos

MP/SP: editais com 300 vagas serão lançados em julho

+ Resumo do Concurso Fund. Oswaldo Cruz

Fund. Oswaldo Cruz
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Não definido
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão

+ Agenda do Concurso

13/07/2011 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas