Tudo Sobre

Concurso Fund. Oswaldo Cruz

Divulgado novo prazo para lançamento de seleção

Agora, previsão é que o edital seja publicado até 20 de abril. Comissão do concurso está redefinindo o quadro de vagas anteriormente divulgado. Mudanças atenderão às demandas do órgão.



Redação
Publicado em 01/04/2010, às 14h59

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) recebeu autorização do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) para abrir concurso em fevereiro. Logo em seguida, a assessoria de imprensa do órgão divulgou que a previsão era que o edital para 700 vagas fosse publicado no mês de março.

Recentemente, no entanto, a coordenadoria de comunicação social da presidência da fundação informou que o órgão trabalha agora com uma nova data. Segundo a coordenadoria, a comissão responsável pela supervisão do concurso espera lançar o documento até 20 de abril. Nos próximos dias, deve ser anunciado o nome da empresa que ficará responsável pelo processo seletivo.

Redefinição – A alteração do cronograma se deve especialmente a uma redefinição que está sendo feita no quadro de vagas do novo concurso. A portaria, que autorizou a abertura de 700 chances, havia dividido as ofertas entre as atividades de pesquisador em saúde pública (5 vagas), tecnologista em saúde pública (239), analista de gestão em saúde (244), técnico em saúde pública (149) e assistente técnico de gestão (63).

De acordo com a coordenadoria de comunicação, a comissão do concurso está trabalhando na redistribuição das vagas, para atender às demandas de cada unidade da Fiocruz.  Com a alteração, podem ser abertas, por exemplo, mais chances para um determinado cargo e um número menor para outra carreira. Vale ressaltar que, segundo a coordenadoria, o número total de oportunidades não será alterado e o edital do processo seletivo deve oferecer as 700 ofertas divulgadas desde fevereiro.

Várias áreas – A seleção disponibilizará oportunidades para profissionais de níveis superior, médio e técnico. Quem possui ensino superior completo poderá disputar as vagas de pesquisador – cargo que também exige a conclusão de mestrado –, tecnologista e analista. Os vencimentos iniciais devem corresponder a R$ 3.475,87 para pesquisador e a R$ 3.048,03 para as outras duas funções.

As chances para técnico em saúde pública pedirão ensino técnico em área específica, enquanto as vagas de assistente técnico de gestão terão como requisito apenas a conclusão do ensino médio. Para ambos os cargos, a remuneração prevista é de R$ 1.678,28.

Como a coordenadoria de comunicação informou, haverá vagas para profissionais das mais variadas áreas de atuação, de administradores a zootecnistas.  As ofertas de trabalho serão para atuação em todos os Estados em que a Fiocruz já está presente: Rio de Janeiro (sede), Amazonas, Bahia, Minas Gerais e Pernambuco, além do Distrito Federal. No entanto, a instituição deve inaugurar, em breve, outras unidades no Ceará, Mato Grosso do Sul, Paraná, Piauí e Rondônia. Desta forma, a seleção também poderá oferecer chances para estes Estados. 

Última concurso – Em 2006, a Fiocruz abriu concurso para preencher mil oportunidades de níveis médio e superior. As vagas estavam distribuídas entre os cargos de técnico (180), analista (213), tecnologista (457) e assistente de pesquisa (150). Havia chances para diversas áreas de atuação e os salários variavam de R$ 1.266,98 (técnico) a R$ 3.753,38 (assistente de pesquisa com doutorado).

Os candidatos foram submetidos a exame objetivo. Para alguns cargos, houve também prova prática, avaliação de currículo e títulos e defesa de memorial.

Talita Fusco/SP

Veja também:

 

INCRA: órgão define organizador de concurso

PM/SP: confirmado edital para os próximos dias

+ Resumo do Concurso Fund. Oswaldo Cruz

Fund. Oswaldo Cruz
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Não definido
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão

+ Agenda do Concurso

01/04/2011 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas