Tudo Sobre

Empregos Ministério da Saúde

Paulo Bernardo autoriza concurso para 404 vagas

Seleção abrirá chances para o Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into), no Rio de Janeiro. Maioria das vagas será para a carreira de médico.



Redação
Publicado em 08/04/2010, às 11h28

O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, autorizou a abertura de concurso para o Ministério da Saúde. Desta vez, serão oferecidas 404 oportunidades para o Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into), órgão vinculado à pasta da Saúde e com sede na cidade do Rio de Janeiro.

Todas as vagas serão para profissionais de nível superior. A maioria das chances (401) será para a carreira de médico e as três ofertas restantes para a atividade de fonoaudiólogo.

De acordo com a portaria de autorização, a responsabilidade pela realização do processo seletivo será do secretário-executivo do Ministério da Saúde e o prazo para o lançamento do edital se esgota no mês de outubro.

Seleção anterior – Em 2005, o Ministério da Saúde promoveu um grande concurso que ofereceu 3.490 oportunidades, divididas entre diversos hospitais do Rio de Janeiro, entre eles o Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into).

Para o Into, havia chances para administrador, agente administrativo, auxiliar de enfermagem, enfermeiro, fisioterapeuta, técnico em radiologia, médico, entre outros cargos. As vagas de médico estavam distribuídas em várias especialidades, como anestesiologia, clínica médica, cirurgia geral, ortopedia, neurocirurgia etc. Segundo o edital, o salário para os cargos de nível superior equivalia a R$ 1.353,67 e, no caso dos médicos, a jornada de trabalho era de 20h semanais.   

Organizado pelo Núcleo de Computação Eletrônica da Universidade Federal do Rio de Janeiro (NCE/UFRJ), as taxas de inscrição custaram R$ 28,50 para cargos de nível médio e R$ 33,50 para funções de nível superior.

Todos os candidatos enfrentaram exame objetivo. A prova para médico foi composta por questões de português, conhecimentos gerais da área médica, conhecimentos específicos e sobre o Sistema Único de Saúde (SUS). Para os inscritos às chances de nível superior, havia também avaliação de títulos.

Sobre o órgão – Assim como o Instituto Nacional do Câncer (Inca), o Into está diretamente ligado ao Ministério da Saúde. Criada em 1994, a instituição presta atendimento cirúrgico para doenças e traumas ortopédicos a pacientes do SUS. (fonte: www.into.saude.gov.br).

Talita Fusco/SP

Veja também:

SEFAZ/SP: secretaria realizará concurso em breve

Defensoria Pública/SP: carlos Chagas é escolhida para organizar seleção

+ Resumo Empregos Ministério da Saúde

Ministério da Saúde
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Saúde
Escolaridade: Ensino Superior
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão

+ Agenda

08/04/2011 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas