Banca já está definida

Assinado contrato com banca do concurso de Campinas SP 2019 para 266 vagas

Editais dos novos concursos públicos da prefeitura de Campinas serão publicados ainda no primeiro semestre, com oportunidades para diversos cargos, já definidos. Banca organizadora, já escolhida, será a Vunesp. Até R$ 8.232,52

Fernando Cezar Alves
Publicado em 07/05/2019, às 14h48

prefeitura de Campinas
Divulgação

A Prefeitura de Campinas, no interior paulista, a 99 km da capital,  divulgou, por meio de publicação em diário oficial, nesta terça-feira, 7 de maio, a assinatura do contrato com a banca organizadora do seu novo concurso público 2019, que será a Fundação Vunesp. Com isto, a expectativa é de que o primeiro, de uma série de sete editais, seja publicado já no decorrer dos próximos dias.

Ao todo serão oferecidas nada menos do que 266 vagas, distribuídas por até sete editais, que devem ser liberados até junho, de acordo com o diretor de recursos humanos da prefeitura, Airton Salvador.  A seleção foi autorizada em 15 de março, pelo prefeito Jonas Donizette.  “O governo tem se esforçado em manter e ampliar o quadro de servidores, de modo a melhorar a qualidade e atender, da melhor forma possível, a população. Esse concurso é uma mostra desse comprometimento”, disse. “O processo agora segue o trâmite do contrato e elaboração dos editais, que devem ser publicados em breve”, reforçou a secretária de recursos humanos da prefeitura, Elizabete Filipini.  De acordo com a prefeitura, as remunerações iniciais devem variar de R$ 2.156,09 a R$ 8.232,52. Além disso, como benefício, a prefeitura oferecerá vale-alimentação no valor de R$ 982,56.    

Quais cargos e vagas serão oferecidos no concurso da prefeitura de Campinas

De qualquer forma, a distribuição dos cargos pelas vagas do novo concuso da prefeitura de Campinas 2019 já está definida e será feita da seguinte forma: agente administrativo (20), agente de apoio à saúde – farmácia (5), agente de fiscalização (2), agente fiscal tributário (2), analista de gestão de pessoas (1), analista de tecnologia da informação (2), arquiteto (2), auditor de controle interno (1), auditor fiscal tributário (2), auxiliar de consultório dentário (5), contador (2), coordenador pedagógico (2), dentista (2), desenhista (1), economista (1), enfermeiro (5), engenheiro ambiental (1), engenheiro civil (5), engenharia elétrica(2), engenheiro de saúde e segurança do trabalho (1), especialista em informação- biblioteconomia (2), farmacêutico (2), fisioterapeuta (2), guarda municipal (60, sendo 50 para homens e dez para mulheres), médico (71, sendo 15 para médico da família e comunidade, 20 para clínico geral, 15 para ginecologia e obstetrícia, uma para medicina do trabalho, 15 para pediatra e cinco para psiquiatra), médico veterinário (1), nutricionista (2), professor (45, 20 para educação infantil, dez para anos iniciais, cinco para geografia, cinco para matemática e cinco para educação especial), psicólogo (5), supervisor educacional (2), técnico em agrimensura (2), técnico em edificações (2), técnico em patologia clínica (2) e técnico em segurança do trabalho (2).

No caso de guarda municipal, a remuneração inicial será de R$ 2.606,95. Para agente administrativo, o inicial deverá ser de R$ 2.548,14 e para professores, R$ 4.496,50.

De acordo com a coordenadora de concursos, recrutamento e seleção da prefeitura, Juliana Miorin, os interessados já devem dar início aos estudos. “Os editais relacionados às áreas de cada cargo serão publicados em breve, mas os candidatos já podem começar a se preparar, estudando a de outros concursos já realizados pelo município e por outras instituições. E, quando os editais forem divulgados, ele poderá continuar seus estudos com base no processo atual. O resultado no certame depende deste preparo”, diz.  

Segundo o diretor de recursos humanos da prefeitura, a validade do concurso poderá ser de até quatro anos, ou seja, dois anos, com prorrogação por mais dois, com possiblidade de convocação de mais aprovados do que a oferta inicial de vagas, de acordo com as disponibilidades da prefeitura.   
 

Mais Lidas