Automatização

Sem concurso INSS autorizado, órgão inicia 90 serviços via internet e telefone

Enquanto o governo tem adiado a autorização do concurso INSS, o órgão começou a implementar medidas para melhorar o atendimento à população

0,00(0.0%)0 voto(s)

Camila Diodato
Publicado em 05/07/2019, às 10h48 - Atualizado às 16h47

Concurso INSS: automatização dos serviços
Antonio Cruz/Agência Brasil

Conforme noticiado pelo JC Concursos, o governo federal tem adiado a realização do concurso INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). Inclusive, forama anunciadas medidas para que o órgão melhore o atendimento prestado à população, como a digitalização dos processos e o teletrabalho.

Agora, enquanto não é suprida a alta defasagem de pessoal, com o intuito de garantir o atendimento aos segurados, o INSS anunciou que 90 dos seus 96 serviços poderão ser feitos via internet, por meio de aplicativo e site Meu INSS, ou telefone (135), sem a necessidade de se deslocar até uma agência.

Tais serviços serão automatizados, sem que assim haja a necessidade de um atendente, para que o mesmo seja acionado apenas nos casos mais complexos e diminua o tempo de espera nas filas.

Serviços automatizados

A partir do próximo dia 10 de julho, praticamente todos os serviços do INSS estarão disponíveis via online ou fone. Os seis que continuam sendo presenciais são:

  • Perícia médica;
  • Avaliação social;
  • Vista ou carga de processos (consultas ao processo);
  • Realização de prova de vida;
  • Devolução de documentos;
  • Outros cumprimentos de exigências.

Estima-se que, com o novo serviço, cerca de 670 mil atendimentos mensais serão feito à distância.

Concurso INSS: defasagem e pedido

O último pedido do concurso INSS solicita um total de 7.888 vagas distribuídas entre os cargos de técnico (nível médio), analista (superior em várias áreas) e perito médico (superior em medicina).

Tais oportunidades sequer suprem a necessidade total do órgão, que tem déficit superior a 20 mil servidores em todo o país. E essa situação atrasa constantemente o atendimento aos segurados.

+ O JC Concursos segue acompanhando todos os detalhes sobre o novo concurso INSS, você poderá conferir aqui as novidades.

Sobre INSS

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), autarquia federal com sede em Brasília (DF), vinculada ao Ministério da Previdência e do Trabalho, tem por finalidade promover o reconhecimento de direito ao recebimento de benefícios administrados pela Previdência Social, assegurando agilidade, comodidade aos seus usuários e ampliação do controle social. O INSS é responsável pelo pagamento da aposentadoria, pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-acidente e outros benefícios para aqueles que adquirirem o direito a estes benefícios segundo o previsto em lei. Compete ao INSS a operacionalização do reconhecimento dos direitos da clientela do Regime Geral de Previdência Social (RGPS), que atualmente abrange mais de 40 milhões de contribuintes.

O INSS possui em seu quadro administrativo quase 40.000 servidores ativos, lotados em todas as regiões do país, que atendem presencialmente mais de quatro milhões de pessoas. Conta com cerca de 1.200 unidades de atendimento, as chamadas Agências da Previdência Social (APS), presentes em todos os Estados da Federação. Trata-se de um mecanismo democrático, que ajuda a minimizar as desigualdades sociais. A renda transferida pela Previdência é utilizada para assegurar o sustento do trabalhador e de sua família quando ele perde a capacidade de trabalho por motivo de doença, acidente, gravidez, prisão, morte ou idade avançada. O INSS é uma organização pública prestadora de serviços previdenciários para a sociedade brasileira. É nesse contexto e procurando preservar a integridade da qualidade do atendimento a essa clientela que o instituto vem buscando alternativas de melhoria contínua, com programas de modernização e excelência operacional, ressaltando a maximização e otimização de resultados e de ferramentas que fundamentem o processo de atendimento ideal aos anseios da sociedade em geral.

O INSS tem a seguinte estrutura organizacional: órgãos de assistência direta e imediata ao presidente (Gabinete; Assessoria de Comunicação Social; Coordenação-Geral de Planejamento e Gestão Estratégica; Coordenação-Geral de Tecnologia da Informação; e Centro de Formação e Aperfeiçoamento do Instituto Nacional do Seguro Social), órgãos seccionais (Procuradoria Federal Especializada; Auditoria-Geral; Corregedoria-Geral; Diretoria de Orçamento, Finanças e Logística; e Diretoria de Gestão de Pessoas), órgãos específicos singulares (Diretoria de Benefícios; Diretoria de Saúde do Trabalhador; e Diretoria de Atendimento) e unidades descentralizadas: (Superintendências-Regionais; Gerências-Executivas; Agências da Previdência Social; Procuradorias-Regionais; Procuradorias-Seccionais; Auditorias-Regionais; e Corregedorias-Regionais).

Comentários

Mais Lidas