Tudo Sobre

Concurso Polícia Civil SP (PC SP) 2020

Concurso PC SP: cargos já autorizados precisam de 7009 servidores

Embora o novo concurso PC SP (Polícia Civil do Estado de São Paulo) já esteja autorizado, para 2.939 vagas, carência para cargos contemplados supera o dobro das vagas oferecidas



Fernando Cezar Alves | fernando@jcconcursos.com.br
Publicado em 09/11/2020, às 09h34 - Atualizado às 14h51

Concurso PC SP: sede da Academia de Polícia - Acadepol
Google Maps

Embora um novo  concurso Polícia Civil SP (PC SP) já esteja autorizado, desde junho de 2019, com edital previsto para ser publicado após a superação da crise de saúde ocasionada pela Covid-19, levantamento aponta que a real necessidade de contratações já supera o dobro do total de vagas autorizadas pelo governador João Doria. O aval do governo contempla um total de 2.939, distribuídas pelos cargos de investigador, escrivão, delegado e médico legista. No entanto, a real necessidade de pessoal para estes cargos já supera 7.009 vagas. Com isto, a expectativa é de que o governo convoque muitos remanescentes durante o prazo de validade da seleção. 

Para o cargo com maior oferta de vagas autorizada, que é escrivão de polícia, com 1.600 postos, a real necessidade é de 2.523 servidores, de acordo com o último levantamento funcional. 

Para a carreira de investigador, o novo edital deve oferecer 900 postos. Porém, a real necessidade de pessoal supera em mais de três vezes o total contemplado, com uma carência de nada menos do que 3.342 profissionais.

No caso de delegado de polícia, a autorização do governador prevê uma oferta de 250 vagas, mas a real necessidade é de quase quatro vezes este quantitativo, com 908 postos em aberto.

Por fim, para o cargo de médico legista, o novo concurso deve oferecer 189 oportunidades. No entanto, o quadro de servidores requer o preenchimento de novos 236 profissionais. 

Estes números de carência de pessoal correspondem a um levantamento anual divulgado em 30 de abril, tendo como base até 31 de dezembro de 2019. Desta forma, a necessidade de pessoal tende a ser ainda maior, tendo em vista que o governo suspendeu, desde 13 abril, a convocação de aprovados em concursos públicos, por meio do decreto 64.937, o que não impede o afastamento de servidores, por exonerações, aposentadorias ou falecimentos

Para as carreiras de investigador e escrivão, o inicial é de R$ 4.435,62, incluindo o salário básico de R$ 3.743,98 e o adicional de insalubridade de R$ 691,64. No caso de médico legista, o inicial é de R$ 8.977,30, considerando o salário de R$ 8.285,66 e o adicional. Por fim, para a carreira de delegado de polícia, o inicial é de R$ 10.849,71, considerando o inicial de R$ 9.888,07 e os R$ 691,64 do adicional.

De acordo com o delegado-geral da corporação, Ruy Ferraz Fontes, os editais dos novos concursos já estão prontos, aguardando apenas um aval positivo por parte do governo. Por sua vez, em 21 de julho, o vice-governador Rodrigo Garcia já havia afirmado que o reforço para a área de segurança pública será prioridade após o término da pandemia de Covid-19.

Concurso Polícia Civil SP (PC SP): últimos editais

Os últimos editais de concurso Polícia Civil SP foram autorizados no final de 2017 pelo então governador Geraldo Alckmin. Ao todo foram 2.750 postos, sendo 800 de escrivão, 600 de investigador, 400 de agente policial, 300 de agente de telecomunicações, 250 de delegado, 200 de papiloscopista e 200 de auxiliar de papiloscopista. A banca organizadora, na ocasião, foi a Fundação Vunesp.

Os concursos da corporação costumam contar com cinco fases até a aprovação do candidato:

  1. prova objetiva
  2. prova escrita
  3. comprovação de idoneidade e investigação social
  4. prova oral
  5. análise de títulos.

Concurso Polícia Civil SP (PC SP)  - o que estudar

No caso de investigador, no último concurso Polícia Civil SP (PC SP), a prova objetiva foi composta de 100 questões, sendo 30 de língua portuguesa, 30 de noções de direito, 10 de noções de criminologia, 10 de noções de lógica, 10 de noções de informática e 10 de atualidades.

Para escrivão foram 36 de língua portuguesa, 30 de noções de direito, 16 de noções de informática e 18 de noções de criminologia, lógica e atualidades.

Para delegado foram 14 de direito penal, 14 de direito processual penal, 14 de legislação especial, 14 de direito constitucional, 14 de direitos humanos, 14 de direito administrativo e 16 de direito civil, medicina legal e noções de informática.

Por fim, para médico legista, o último concurso ocorreu em 2013 e também foi organizado pela Vunesp. A prova objetiva contou com 10 questões de língua portuguesa, 10 de noções de direito, 10 de criminologia, 5 de lógica e 5 de informática, além de 60 de conhecimentos específicos.

+ Resumo do Concurso Polícia Civil SP (PC SP) 2020

PC SP - Polícia Civil de São Paulo
Vagas: 2939
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Delegado, investigador, escrivão, Agente de Policia Civil
Áreas de Atuação: Segurança Pública
Escolaridade: Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 4435,00 Até R$ 10849,00
Estados com Vagas: SP

+ Agenda do Concurso

04/06/2019 Autorização do Concurso Adicionar no Google Agenda
31/12/2022 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda
concursosconcursos 2020concursos sp (são paulo)provas anteriores

Comentários

Mais Lidas