Tudo Sobre

Concurso TJ SP - Escrevente

Concurso TJ SP: carreira de escrevente precisa preencher mais de 5 mil vagas

Realização de novo concurso TJ SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) para suprir necessidade de pessoal deve ser discutida após superação da crise de saúde



Fernando Cezar Alves | fernando@jcconcursos.com.br
Publicado em 24/11/2020, às 12h17 - Atualizado às 15h17

Concurso TJ SP: sede do TJ SP
Google Maps

A realização de um novo  concurso TJ SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) para a carreira de escrevente técnico judiciário tende voltar a ser discutida após a retomada do prazo de validade de dois últimos certames, realizados em 2017 e 2018. Os prazos inicialmente deveriam ser encerrados, respectivamente, no próximo mês de dezembro e em março de 2021. Porém,  as nomeações, bem como a possibilidade de realizar novo concurso, foram suspensas 31 de março deste ano, quando o presidente do órgão, desembargador Geraldo Francisco Pinheiro Franco, divulgou um plano de contingência de gastos, em virtude da crise econômica prevista em decorrência do surto de Covid 19.

De qualquer forma, mesmo com a suspensão da validade dos últimos editais, a carência de pessoal vem aumentado constantemente, em virtude de afastamentos, falecimentos e exonerações. De acordo com o último levantamento funcional, divulgado em agosto, a carreira necessita de nada menos do que 5.507 servidores

Para concorrer ao cargo de escrevente é necessário possuir apenas ensino médio, com remuneração inicial de R$ 6.301,71 , incluindo salário básico de R$ 4.981,71, auxílio alimentação de R$ 990 (R$ 45 por dia, considerando 22 dias) e auxílio-saúde de R$ 330. Vale ressaltar que, além disso, os servidores podem contar com adicionais, caso o servidor conte com formação superior, pós-graduação, mestrado ou doutorado.

Concurso do TJ SP: o que cai na prova

Todas as seleções do órgão sempre costumam ter a Fundação Vunesp como a banca organizadora. As avaliações objetivas apresentam 100 questões de múltipla escolha, que abordam conteúdos de:

  • língua portuguesa;
  • direito penal, processual penal, processual civil, constitucional, administrativo;
  • normas da CGJ;
  • atualidades;
  • informática;
  • raciocínio lógico e
  • matemática. 

Como segunda etapa, os candidatos convocados realizam teste prático que envolve digitação e formação de texto no Microsoft Word 2010.

Concurso TJ SP: editais anteriores

O último concurso TJ SP para escrevente ocorreu em 2018, com 235 vagas, distribuídas entre as Circunscrições Judiciárias que compõem as 2ª, 3º, 5ª, 6ª, 7ª, 8º, 9ª e 10ª Regiões Administrativas Judiciárias, com sedes nas cidades de Araçatuba, Bauru, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos e Sorocaba. O certame tem validade até março de 2020, com prorrogação até março de 2021.

Antes disso, em 2017 foram oferecidos 590 postos nas 1ª e 4ª Regiões Administrativas Judiciárias, que ficam respectivamente na Grande São Paulo e Campinas. O concurso tem validade até dezembro de 2020. 

+ Resumo do Concurso TJ SP - Escrevente

TJ SP - Tribunal de Justiça de São Paulo
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Escrevente
Áreas de Atuação: Administrativa
Escolaridade: Ensino Médio
Faixa de salário:
Estados com Vagas: SP
Cidades: São Paulo - SP

concursosconcursos 2021concursos sp (são paulo)provas anteriores

Comentários

Mais Lidas