Após sumiço de provas, PRF reaplicará exame no MS

De acordo com o edital publicado nesta quarta-feira (11), os inscritos deverão realizar a nova avaliação no dia 22 de junho.

Douglas Terenciano
Publicado em 11/06/2014, às 14h08

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), por meio do Diário Oficial da União, divulgou nota informando que a prova objetiva do concurso para 216 vagas de agente administrativo foi anulada apenas para os 415 candidatos que não receberam os cadernos do exame em Campo Grande/MS, em 25 de maio. De acordo com o edital publicado nesta quarta-feira (11), os inscritos deverão realizar a nova avaliação no dia 22 de junho.

O compromisso de ajustamento de conduta, também conhecido como Termo de Ajuste de Conduta (TAC) foi firmado entre o Ministério Público Federal (MPF) e a Funcap – Fundação Augusto Carlos Bittencourt, organizadora do concurso.

Conforme as informações da PRF, os exames terão a duração máxima de 3h30, com abertura dos portões às 14h. Para saber os locais, os trabalhadores devem acessar e imprimir o Comunicado Oficial de Convocação para Prova (COCP), disponível no site www.funcab.org.

CONFIRA O PACOTE DE ESTUDOS DA PRF - CLIQUE AQUI

Desistência – Os candidatos abrangidos poderão desistir do concurso e receber de volta os valores pagos na inscrição. Para isso, eles devem formalizar o pedido no site www.funcab.org, até o dia 20 de junho e enviar cópia do RG, CPF e número de conta-corrente ou poupança em nome próprio para o e-mail concursos@funcab.org. Quem não residir na capital sul-mato-grossense também poderá solicitar a devolução de despesas com transporte (inclusive pedágio), alimentação e hospedagem. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (21) 2621-0966 e (21) 2622-0593.

Entenda o caso – A anulação da prova deve-se ao sumiço de cadernos do exame que seriam aplicados em 25 de maio no Colégio Dom Bosco, na cidade de Campo Grande. Os candidatos foram avisados que o início do teste sofreria um atraso, o que culminou em tumulto generalizado no bloco E do colégio, impossibilitando a realização da avaliação.

O concurso – São 216 vagas na função de agente administrativo e o salário oferecido é de R$ 2.043,17. Com jornada de trabalho de 40 horas semanais, as colocações são para os Estados de São Paulo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Bahia, Pernambuco, Espírito Santo, Alagoas, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí, Maranhão, Pará, Sergipe, Tocantins, Amazonas, Amapá e Roraima, além do Distrito Federal. Ao todo, 259.136 candidatos se inscreveram, concorrência média de 1.199 pessoas por vaga.

Comentários

Mais Lidas