Mulheres são maioria em programas de estágio

As mulheres estão cada vez mais presentes no mercado de trabalho e essa inserção começa muito antes da profissionalização.

Douglas Terenciano
Publicado em 06/03/2015, às 09h52

As mulheres estão cada vez mais presentes no mercado de trabalho e essa inserção começa muito antes da profissionalização. Recente pesquisa do Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) indica que as mulheres são maioria entre estagiários (63%) e aprendizes (52%).

Luiz Gonzaga Bertelli, presidente executivo do CIEE, comenta que a forte presença de mulheres em programas de estágio reforça a inclusão social dos beneficiados, por meio da capacitação profissional. “A maioria feminina entre nossos capacitandos é um dos melhores sinais de que estamos contribuindo para um futuro mais igualitário”, analisa.

Força feminina

Há 11 anos, Fabíola Mara de Souza Alves começou sua carreira como estagiária em um hospital brasiliense quando ainda cursava psicologia. A experiência foi decisiva para que subisse de cargo e atualmente exerce a função de gerente de recursos humanos. “O estágio é o primeiro degrau da escalada profissional”, afirma.

Já Tainara Luísa Alves Oliveira, de 16 anos, está seguindo os passos de sucesso dos seus antecessores. A jovem cursa o terceiro ano do ensino médio, começou seu treinamento há dois meses e já percebe mudanças no seu comportamento. “No início eu era bem calada e agora me sinto mais à vontade para me expressar”, diz. Tainara reside com o pai e dois irmãos, sendo que apenas a mais velha, de 22 anos, trabalha. O outro, de 18, concluiu o ensino médio e ainda não emplacou uma universidade. Com a bolsa-auxílio que recebe, ajuda no orçamento da casa e, com o que sobra, pôde comprar roupas e até mesmo seu primeiro celular.

Dados sobre emprego

No próximo dia 8 de março (domingo) comemora-se o Dia Internacional da Mulher, momento em que se celebra as conquistas femininas e também em que se analisa o quanto ainda falta para se chegar à igualdade de direitos na sociedade. Dados recentes do IBGE revelam que, apesar da queda nos índices de desemprego, os jovens e as mulheres somam os maiores percentuais de desocupados. No quarto trimestre do ano passado, o nível de desemprego do sexo feminino chegou a 7,7%, enquanto o do masculino foi de 5,6%. A boa notícia é programas de inclusão social e profissional estão atacando diretamente esse problema.

Vagas de estágio

O Núcleo Brasileiro de Estágios (Nube) está com 5.570 vagas de estágio abertas em todas as regiões do Brasil. Há oportunidades para alunos dos ensinos médio, técnico, tecnólogo e superior, nos períodos matutino e noturno. O início do ano letivo favorece a abertura de processos seletivos em empresas privadas.

Entre os cursos de graduação com vagas abertas estão administração de empresas, arquitetura e urbanismo, artes cênicas, audiovisual, ciências contábeis, ciências econômicas, comércio exterior, comunicação e marketing, comunicação social, computação, direito, design, engenharia da computação, engenharia química, fisioterapia, fonoaudiologia, gastronomia, gestão da qualidade, gestão comercial, gestão de empresas, gestão de marketing, jornalismo, letras, medicina veterinária, nutrição, odontologia, pedagogia, publicidade e propaganda, relações públicas, rádio e TV, turismo e zootecnia.

Candidatos matriculados em cursos de nível médio técnico encontram chances nas áreas de eletricidade, eletrônica, mecânica, química, geologia e mineração, instrumentação industrial, informática, manutenção de aeronaves, secretariado, administração, segurança do trabalho, logística, redes de computadores, processamento de dados, comércio, eletrotécnica, estradas, meio ambiente, multimídia, contabilidade, dentre outras.

As bolsas variam de R$ 678 a R$ 1.500, conforme a vaga e o campo de atuação.

O processo seletivo varia conforme a empresa contratante. Como a rotatividade do sistema é grande, todas as vagas estão sujeitas a alteração de quantidade.

Os interessados em concorrer às vagas devem cadastrar os dados gratuitamente no site www.nube.com.br, acessando a aba “Vagas de Estágio”.

Comentários

Mais Lidas