Tudo Sobre

Empregos JC&E

27 anos de apoio ao concursando

Em 2007, profissionais do jornal impresso e do site divulgaram em torno de 2 mil seleções



Redação
Publicado em 01/02/2008, às 16h56

Entra ano e sai ano e a procura por concursos públicos só aumenta, com a oferta crescendo na mesma proporção. E provas de que isso vem ocorrendo não faltam.

O governo federal, por meio de seus ministros da Fazenda e do Planejamento, informou no início do ano que não seriam autorizados concursos até que, em março, com a aprovação do Orçamento da União, se tivesse um panorama favorável para isso. Com o fim da Contribuição Provisória sobre a Movimentação Financeira (CPMF), talvez não houvesse recursos para novas contratações. No entanto, na mesma semana do anúncio, dois novos concursos foram autorizados, um com 140 vagas para a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e outro com 94 ofertas para o Ministério do Esporte. E não foram os únicos. Ainda em janeiro, o governo autorizou 100 vagas de Analista no Tribunal de Contas da União e aumentou de 216 para 800 o número de ofertas na Infra-estrutura. Tudo porque o servidor público é essencial. Não há como ficar sem abrir concurso mesmo diante de situações extremas.

Outra prova de que os concursos continuam em pauta é que nunca eles tiveram tanto destaque pela mídia, principalmente em razão do advento da Internet. Ao se digitar ‘concurso público’ no maior site de busca existente hoje, o Google, chega-se a 446 mil resultados, referentes à previsão e abertura de concursos, fóruns de discussão, sites de cursinhos preparatórios, artigos de especialistas, entre vários outros.

Em janeiro - mês que, normalmente, não é considerado forte com relação à abertura de concursos -, o site www.jcconcursos.com.br, do grupo Jornal dos Concursos & Empregos, registrou recorde no número de acessos, com 10 milhões de páginas visualizadas (page views), o que corresponde a algo em torno de 2 milhões de usuários por mês. “O assunto está muito em evidência e por isso as pessoas pesquisam mais e nosso site se tornou porta de entrada para se obter informações específicas”, afirma o diretor de marketing do grupo JC&E, José Ricardo Lima de Oliveira.

E com uma demanda melhor, aumenta o trabalho nas redações especializadas, já que o concurseiro, além de estar em maior quantidade, está ainda mais exigente, em busca de informações diferenciadas, que realmente lhe ajudem a conquistar a vaga almejada.

Trabalho que inclui mudanças, como a que o JC&E realizou no final do ano passado e que agora em 2008, quando o jornal completa 27 anos, reflete em melhor qualidade nos serviços prestados. A principal delas foi a integração das redações do jornal impresso e do site. Antes, apesar de atuarem no mesmo prédio, os departamentos funcionavam separados. “Não há mais conflito na produção de informação e, com isso, ganhamos em agilidade e em aumento da própria produção”, afirma Oliveira, que coordena o planejamento e execução das mudanças.

Juntas, as redações se debruçaram, em 2007, sobre aproximadamente 2 mil editais, totalizando bem mais de 200 mil vagas – segundo dados do registro de editais da redação, que se tornou uma ferramenta imprescindível para conduzir o trabalho do dia-a-dia. São quase 550 vagas encontradas por dia pela equipe JC&E. Isso sem contar os inúmeros editais que não oferecem vagas imediatas e apenas formam um cadastro reserva para futuras contratações.

Outras mudanças ocorreram especificamente no site, com a inclusão, por exemplo, de editais por região do País. “O candidato vai direto à região que lhe interessa, tornando a busca por concursos mais fácil”, diz Oliveira, que cita, ainda, mudanças estruturais, como a troca de servidores de Internet. “O usuário final ganha mais velocidade na navegação e na pesquisa. Sem falar que, ao logo do ano, podemos inserir novidades, oferecendo um conteúdo diferente e até exclusivo de tempos em tempos”, afirma o diretor de marketing.

O site também oferece, agora, uma editoria que, até metade do ano passado, era disponibilizada apenas no jornal impresso: a de concursos previstos. Essa editoria, inclusive, deveria fazer parte apenas do canal de assinantes do JC&E, um novo site em fase de construção e que terá, além das informações gratuitas do atual jcconcursos.com.br, conteúdos agregados. Mas, em razão da solicitação dos leitores e usuários on-line do Jornal dos Concursos, o material está agora disponível na Internet. Com isso, o concurseiro pode ficar por dentro dos principais concursos em fase de elaboração e se preparar melhor para concorrer.

Isso tudo sem contar as editorias de Educação e de Empregos, que também podem ser consultadas no site. No jornal impresso, o leitor encontra centenas de vagas de trabalho com foco no Estado de São Paulo, e no site, todas as regiões brasileiras são contempladas. E o mesmo ocorre com a área de Educação.

“No site há tudo, mas no jornal impresso sempre estão as principais informações do setor, filtradas para facilitar a vida do candidato”, ressalta Oliveira.

“Também estamos aumentando as parcerias, que fortalecem nosso trabalho”, diz Oliveira. Além da parceria consolidada com a UOL, as mais recentes foram firmadas com o BOL, a Catho, a Folha de Pernambuco, o Portal AZ e A Tribuna, de Santos. “Existe um conjunto de fatores que fazem com que o jornal e o site do JC&E tenham a aceitação que têm. Ao completarmos 27 anos, temos plena consciência de que estamos no rumo certo”, finaliza o diretor.

+ Resumo Empregos JC&E

JC&E
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Não definido
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão

+ Agenda

31/01/2009 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas