Tudo Sobre

Concurso Profissões e Cursos

TÉCNICO EM MECATRÔNICA

Levando tecnologia para a indústria...



Redação
Publicado em 29/01/2007, às 11h06

O técnico em Mecatrônica é responsável por planejar, supervisionar, controlar e realizar ações de montagem e de manutenção corretiva e preventiva de sistemas integrados eletroeletrônicos, eletropneumáticos, eletrohidráulicos e mecânicos, destinados a equipamentos e processos de manufatura. O trabalho é realizado em laboratórios, salas de projeto, em oficinas, testando o funcionamento, reparando ou substituindo componentes danificados, empregando conhecimentos técnicos e de gestão, ferramentas e aparelhos específicos, de acordo com normas técnicas, ambientais, de qualidade e segurança, procedimentos industriais e metas da empresa, podendo ainda programar e operar máquinas e sistemas automatizados de manufatura. “Atuando na indústria em geral, de alimentos, metalurgia, entre outras, o profissional desta área está sempre em busca de melhorias para os processos. Para tanto, ele planeja e executa a automação dos processos de manufatura, usando meios eletrônicos, mecânicos e de automação, planejando, instalando, operando e fazendo a manutenção”, explica Alcindo Daniel Fávero (foto), coordenador do curso técnico em Mecatrônica, ministrado pela Escola Senai Roberto Simonsen, em São Paulo.

CURSO

O curso técnico em Mecatrônica fornece habilitação na área de automação dos processos de manufatura, integrando as tecnologias eletrônica, mecânica, de controle automático e computação, por meio do desenvolvimento de atividade de planejamento, instalação, operação, manutenção, visando à qualidade e produtividade desses processos.

O curso prepara os alunos para atuarem nas áreas de mecânica, eletrônica e informática, as quais exigem constantes atualizações, devido às mudanças freqüentes que ocorrem nestes setores. “A duração do curso é de 1.500 horas na escola, mais 400 horas de estágio supervisionado, feitos em quatro semestres, com cinco aulas diárias, de segunda a sexta-feira”, relata o coordenador do Senai. E continua: “o curso é formado por matérias que se integram, como Desenho Mecânico e CAD, Mecânica de Usinagem e CNC, Eletrônica Geral, Tecnologia da Comunicação, Controle Lógico Programável, Hidráulica e Pneumática, Robótica, entre outras”. Para Fávero, é importante que o interessado em atuar nessa área se interesse por novas tecnologias. “O aluno deve ter disposição para estudar na escola e em casa, além de pensar em soluções de melhoria para os processos, usando recursos de pesquisa e desenvolvimento de novas tarefas”, recomenda o educador.

MERCADO DE TRABALHO

Empresas do setor Automobilístico, de Informática, Eletrônica, Mecânica, Química, Automação nas áreas de Engenharia de Produtos/Projetos, de Manutenção/Processos, Qualidade, Manutenção e Suporte Técnico são alguns dos campos de atuação para profissionais desse setor. “Por tratar de melhorias e de manutenção, o mercado está sempre aberto e solicitando novas aquisições de pessoal. Inclusive, durante a realização do estágio, os alunos têm a oportunidade de apresentar melhorias nos processos produtivos das empresas, por meio de apresentação de projetos, o que permite a eles mostrarem todo o seu nível de trabalho aos superiores e, com isso, serem contratados”, relata Fávero, que completa: “as áreas de Automação de Processos, Manutenção e Programação de Sistemas Flexíveis de Manufatura e Sistemas Robotizados são as mais promissoras”.

Rogerio Jovaneli
Reportagem/SP

+ Resumo do Concurso Profissões e Cursos

Profissões e Cursos
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Ensino Médio
Faixa de salário:
Estados com Vagas: AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SC, SE, SP, TO

+ Agenda do Concurso

29/01/2008 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas