MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Alemanha APROVA uso e cultivo da maconha; projeto influencia tendência na Europa

Medida pode se tornar uma das políticas mais progressistas da Europa em relação à maconha. Legisladores conservadores questionam os impactos sociais e de saúde pública

Decisão ressalta a crescente aceitação das discussões sobre a legalização da maconha
Decisão ressalta a crescente aceitação das discussões sobre a legalização da maconha - Divulgação/JC Concursos
Pedro Miranda

Pedro Miranda

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 16/08/2023, às 16h05

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O governo alemão deu um passo significativo na direção da legalização do uso e cultivo recreativo de maconha no país. Em uma decisão marcante ocorrida nesta quarta (16), o executivo alemão aprovou um projeto de lei que, se ratificado pelo parlamento, permitiria a posse de até 25 gramas da substância para maiores de idade, além do cultivo de até três plantas de cannabis.

A legislação, que ainda precisa passar pelo crivo do parlamento, se tornaria uma das políticas mais progressistas da Europa em relação à maconha, potencialmente contribuindo para uma tendência global similar. Conforme a agência de notícias Reuters, essa mudança é saudada por defensores do uso legal da cannabis, que enxergam na medida uma oportunidade para desarticular o mercado ilegal e, consequentemente, reduzir os índices de criminalidade associados às drogas.

A Deutsche Welle, agência de notícias alemã, relata que os governos de coalizão do país têm a intenção de legalizar o uso recreativo da maconha ainda neste ano. No entanto, eles encontram resistência por parte de legisladores conservadores, que questionam os impactos sociais e de saúde pública da medida.

+++ STF avança na descriminalização da posse de maconha no Brasil

Decisão ressalta a crescente aceitação das discussões sobre a legalização da maconha

O ministro da Saúde alemão, Karl Lauterbach, é o autor do projeto de lei e o descreveu como um "ponto de virada" após políticas anteriores sobre a cannabis não terem atingido os resultados desejados. Lauterbach, no entanto, também emitiu um alerta em relação ao uso da substância: "O consumo de cannabis será legalizado, mas continua perigoso", ressaltou.

A decisão atual ressalta a crescente aceitação das discussões sobre a legalização da maconha em todo o mundo, com a Alemanha se preparando para se juntar a um grupo seleto de países que optaram por abordagens mais liberais em relação ao uso recreativo da planta.

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.