MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Atenção: Anvisa PROÍBE consumo DESTE produto da marca Carrefour

Produto da marca Carrefour teve a comercialização, distribuição e fabricação proibida pela Anvisa nesta quarta-feira (5); Saiba todos os detalhes

Sal de cozinha
Sal de cozinha - Freepik
Jean Albuquerque

Jean Albuquerque

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 05/07/2023, às 15h43

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Os consumidores dos produtos da marca Carrefour precisam ficar atentos ao comunicado em relação à proibição de um produto. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu nesta quarta-feira (5) a comercialização, distribuição, fabricação e uso do sal da marca Carrefour. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União. 

A proibição acontece em razão de um lote específico do produto, identificado como número 22992, ter apresentado um resultado insatisfatório em relação ao teor de iodo, que ficou abaixo do limite estabelecido.

Conforme mencionado no documento, a Anvisa solicita o recolhimento desse lote em particular, devido ao descumprimento por parte da empresa, já que foi detectada no produto a ausência de uma substância que pode acarretar futuros problemas de saúde. 

Trata-se do iodo que é uma substância frequentemente adicionada ao sal para prevenir distúrbios causados pela deficiência desse micronutriente, bem como anomalias congênitas e bócio (aumento da glândula tireoide). 

Ainda segundo a agência, a falta desse componente essencial pode resultar em doenças, como o bócio, que se caracteriza pelo aumento do volume da glândula tireoide.

+ Bolsa-Atleta estende pagamentos para dois novos grupos de beneficiários

O que aconteceu?

Conforme determinação da agência reguladora, foi constatado que o produto em questão, da marca Carrefour, não apresentava a quantidade mínima de iodo necessária. Desde a década de 1950, é obrigatório que todo sal destinado ao consumo humano seja iodado. Atualmente, a quantidade de iodo no sal deve ser de 20 a 60 partes por milhão (ppm).

A adição de iodo ao sal é fundamental para prevenir o desenvolvimento de bócio, uma condição em que a glândula tireoide se torna inchada. Além disso, o iodo desempenha um papel importante no metabolismo, crescimento físico e desenvolvimento neurológico. Sua presença adequada no sal é essencial para garantir a saúde e o bem-estar da população.

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.