MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Banco Central alerta sobre novo golpe de consulta aos Valores a Receber

Nesta quinta-feira (23), o Banco Central explicou como funciona o novo golpe de consulta a suposto dinheiro esquecido em bancos. Veja o site oficial do Sistema Valores a Receber

Várias notas de reais
Várias notas de reais - Divulgação
Mylena Lira

Mylena Lira

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 23/11/2023, às 20h13

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Nesta quinta-feira (23), o Banco Central (BC) emitiu um alerta para quem busca informações sobre dinheiro esquecido no sistema financeiro. O órgão, sediado em Brasília, destacou a importância de consultar eventuais valores a receber exclusivamente na página oficial para evitar cair em golpes.

A autoridade monetária destacou um novo artifício fraudulento: um falso aplicativo disponibilizado via anúncios no Facebook. Este aplicativo, prometendo a verificação de valores a receber, tem sido veiculado de maneira enganosa e representa um risco significativo para os usuários desavisados.

A consulta de valores e qualquer pedido de resgate devem ser realizados estritamente pelo site oficial do Banco Central, sem a exigência de pagamento de taxas, conforme ressaltou a instituição. O acesso ao sistema, onde os valores podem ser retirados, requer uma conta de nível prata ou ouro no Portal Gov.br, garantindo maior segurança aos usuários.

O Banco Central esclareceu em nota que não possui nenhum aplicativo para essa finalidade e que também não envia links ou e-mails. "Ninguém está autorizado a entrar em contato com o cidadão em nome do Banco Central ou do Sistema Valores a Receber. Além disso, o cidadão não deve fazer qualquer tipo de pagamento para ter acesso aos valores", reforçou a instituição.

+Cuidado com golpe bancário na Black Friday; Conheça as principais fraudes

Como criar conta Gov.br?

É importante ressaltar que para participar do programa Desenrola Brasil, o cidadão precisa ter uma conta Gov.br com nível Prata ou Ouro. Após criar a conta inicial, em nível bronze, pelo site, é possível subir de nível pelo próprio portal, pelo aplicativo Gov.br ou presencialmente nas agências do INSS.

Para subir de nível pelo aplicativo Gov.br, disponível para smartphones com sistema operacional Android ou iOS, basta logar, ir em "Privacidade" e selecionar "Selos de Confiabilidade". 

Para conseguir subir ao nível prata é preciso realizar:

  • Validação facial pelo aplicativo gov.br para conferência da sua foto nas bases da Carteira de Habilitação (CNH); ou
  • Validação dos seus dados via internet banking de um banco credenciado; ou
  • Validação dos seus dados com usuário e senha do SIGEPE, se você for servidor público federal.

Para elevar ao nível ouro existem duas opções:

  • Validação facial pelo aplicativo gov.br para conferência da sua foto nas bases da Justiça Eleitoral; ou
  • Validação dos seus dados com Certificado Digital compatível com ICP-Brasil.

+Privatização da Sabesp aprovada: funcionários poderão ser demitidos após seis meses

O que fazer ao cair no golpe de valores a receber?

Diante de um cenário onde a falsidade se apresenta como verdade, o BC também forneceu orientações para os que foram lesados. Além de registrar um boletim de ocorrência, é recomendável que o consumidor denuncie o golpe ao banco ou à operadora do cartão de crédito, solicitando o estorno do valor. 

Adicionalmente, é aconselhável fazer uma reclamação contra a empresa desenvolvedora do aplicativo no Procon local. Vale ressaltar que, embora o falso aplicativo tenha sido retirado do Google Play Store, a empresa desenvolvedora mantém outros aplicativos suspeitos, abrangendo consultas para benefícios como restituição de Imposto de Renda, Auxílio Gás e Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

O Banco Central reitera a importância da cautela e do uso exclusivo da plataforma oficial para consultas financeiras, visando a proteção contra fraudes e golpes virtuais. Em caso de qualquer suspeita, os usuários devem buscar as autoridades competentes e seguir as orientações para minimizar danos e prevenir novas vítimas.

+++Acompanhe as principais notícias sobre Sociedade no JC Concursos.

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.