MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | saúde | Sociedade | youtube jc

Eleições 2022: Lula amplia vantagem sobre Bolsonaro no Rio e em Minas Gerais

Segundo novo levantamento da Genial/Quaest, o ex-presidente Lula lidera a pesquisa de intenção de votos das eleições 2022, mas vantagem já foi maior em março

MYLENA LIRA | REDACAO@JCCONCURSOS.COM.BR
Publicado em 20/07/2022, às 17h57

Eleições 2022: Lula, vestido com terno azul marinho, sorri
Eleições 2022: Lula, vestido com terno azul marinho, sorri - Divulgação/Ricardo Stucker/Instituto Lula
WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

Segundo novo levantamento da Genial/Quaest, o ex-presidente Lula lidera a pesquisa de intenção de votos das eleições 2022, pois é apontado pela maioria dos eleitores como o candidato predileto para ocupar o posto de chefe da nação mais uma vez. Comparada com a pesquisa anterior, divulgada em maio, o petista aumentou a vantagem sobre Bolsonaro nos estados do Rio de Janeiro e Minas Gerais, mas diferença já foi maior.

Em maio, Lula tinha 16 pontos na frente do candidato à reeleição pelo Partido Liberal (PL) no estado mineiro. Agora, tem 18 (dois a mais). No estado que abriga a cidade maravilhosa, a recuperação do petista é maior: de 1 ponto foi para 5 de diferença.

Minas e Rio são considerados por especialistas colégios eleitorais decisivos na disputa presidencial. Mesmo que empate em São Paulo, onde vem perdendo eleitores, Lula tem chances de ganhar as eleições já no primeiro turno se vencer no RJ e em Minas Gerais.

No estado paulista, o ex-presidente foi de 11 pontos de vantagem para 5 apenas, uma queda de 6 pontos. Apesar da distância ser menor, Lula continua na liderança da corrida eleitoral em São Paulo. Essa redução da vantagem é ainda maior ao ampliar o período de análise e considerar os dados da pesquisa feita pela Quaest em março.

+Conheça três benefícios do INSS pagos para quem tem problema na coluna

Saída de Moro beneficiou Bolsonaro

Em março, o ex-juiz Sérgio Moro ainda estava na disputa pelo cargo de presidente da República e, na época, Lula mantinha vantagem maior sobre Bolsonaro. Porém, a desistência de Moro em concorrer ao posto político nas eleições 2022 beneficiou o atual presidente, que conseguiu ficar melhor posicionado na pesquisa seguinte, de maio.

Segundo Felipe Nunes, diretor da Quaest, a melhora dos índices de Bolsonaro era esperada na pesquisa posterior à saída de Moro. Ele postou o gráfico com a oscilação da vantagem de Lula em sua conta do Twitter. Confira abaixo:

Na mesma rede social, Nunes ressaltou ontem (19) que "a diferença de março para maio é explicada, como eu mostrei à época, pela saída do Moro da eleição, o que agregou votos a Bolsonaro. Daí vem a principal diferença em MG e no RJ."

+Beneficiários do Auxílio Brasil preferem Lula a Bolsonaro, aponta PoderData

+++Acompanhe as principais notícias sobre Sociedade no JC Concursos.

Siga o JC Concursos no Google News e acompanhe nossos destaquesSociedadeBrasil
Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.