MenuJC Concursos
Busca
Notícias | | Aulas Grátis | Provas anteriores | Simulados | Empregos | Brasil

Eleições 2022: Lula e Bolsonaro se distanciam dos candidatos da 3ª via, indica pesquisa FSB/BTG

A pesquisa FSB/BTG, publicada nesta segunda (21), revela que as Eleições 2022 um aumento na polarização entre Lula e Bolsonaro, com a queda dos candidatos da terceira via

Victor Meira - victor@jcconcursos.com.br
Publicado em 21/03/2022, às 12h12

Eleições 2022: Lula e Bolsonaro se distanciam dos candidatos da 3ª via, indica pesquisa FSB/BTG
Eleições 2022: Lula e Bolsonaro se distanciam dos candidatos da 3ª via, indica pesquisa FSB/BTG - Reprodução Redes Sociais
WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

Saiu mais uma pesquisa eleitoral para a corrida presidencial de 2022. Nesta segunda-feira (27), foi divulgada a pesquisa do Instituto FSB, a pedido do banco de investimentos BTG Pactual. De acordo com os dados, a pesquisa estimulada mostra que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) continua na frente com 43% das intenções de voto, enquanto o atual presidente, Jair Bolsonaro (PL), está em segundo com 29%.

Os candidatos da terceira via, Ciro Gomes (PDT) e Sérgio Moro (Podemos), continuam na ocupando o terceiro e quarto lugar, com 9% e 8%, respectivamente. Mais abaixo encontram-se João Doria (PSDB), André Janones (Avante) e Eduardo Leite (atualmente no PSDB, mas com possibilidade de ir para o PSD) têm 2%. Simone Tebet (MDB) aparece com 1%. Felipe D’Ávila (Novo) não pontua.

No cenário espontâneo, a diferença entre os dois líderes é ainda mais acentuada. Lula também lidera com 38% das intenções de votos e Bolsonaro em segundo, com 27%. Lá embaixo, Ciro ocupa a terceira colocação, com 4%, Sérgio Moro, 3%, e Janones fecha com 1%. Os outros candidatos, João Doria, D’Ávila, Tebet e Leite nem pontuaram.

Em um eventual segundo turno, Lula vence Bolsonaro com 54% dos votos contra 35%.

O candidato com maior rejeição é o atual presidente, com 59% do índice. Em segundo, aparece Moro, com 49%. Enquanto que Lula e Ciro contam com 41% de rejeição.

Além da rejeição, um outro dado indica as dificuldades da terceira via crescer nas pesquisas. Apenas 11% dos entrevistados afirmam que não votariam de jeito nenhum nem em Lula nem em Bolsonaro, os dois nomes que lideram as pesquisas, que revela a polarização das eleições no Brasil.

+++Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google News e acompanhe nossos destaquesSociedadeBrasil

Comentários

Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.