MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | saúde | Sociedade | youtube jc

FGTS: saque-aniversário é antecipado, mas Caixa libera um valor mínimo para resgate

O pedido de antecipação do saque-aniversário do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) pode ser feito através do aplicativo Caixa Tem

Victor Meira - victor@jcconcursos.com.br
Publicado em 30/12/2021, às 09h13

Caixa libera antecipação do saque-aniversário do FGTS
Caixa libera antecipação do saque-aniversário do FGTS - JC Concursos
WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

A Caixa Econômica Federal liberou a antecipação do saque-aniversário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), mas reduziu o valor mínimo de R$ 2 mil para R$ 500. Os trabalhadores podem antecipar até três anos do saque-aniversário de forma totalmente digital, diretamente pelo aplicativo Caixa Tem (disponível para Android e iOS).

A antecipação é disponibilizada por empréstimo aos clientes que fizeram a adesão do saque-aniversário do FGTS, de contas ativas ou inativas. Para realizá-la é necessário indicar a Caixa como instituição financeira autorizado a oferecer a linha de antecipação do saque-aniversário, procedimento que também pode ser feito pelo app Caixa Tem. 

O dinheiro antecipado já fica disponível no próximo dia útil da contratação do empréstimo. Na data do pagamento do saque-aniversário é feito o débito de forma automática na conta FGTS do trabalhador, liquidando da operação. De acordo com a Caixa, não há impacto na capacidade de pagamento da pessoa ou na possibilidade de contratar outras linhas de crédito no banco.

Enfim, para pedir a antecipação do FGTS é preciso ter o app Caixa Tem instalado em seu smartphone e os dados cadastrais atualizados. O banco não exige avaliação de risco de crédito, permitindo a contratação mesmo para clientes com restrição cadastral. A taxa de juros é de 1,49% ao mês.

Saiba mais sobre o saque-aniversário do FGTS

O saque-aniversário do FGTS autoriza a retirada de parte dos recursos do saldo de qualquer conta ativa ou inativa do FGTS a cada ano, no mês de aniversário, em troca de não receber a parte a que tem direito em caso de demissão sem justa causa. 

A grana pode ser sacada até dois meses depois do mês de aniversário. O valor a ser liberado varia de acordo com o saldo na conta do trabalhador. Além de um percentual, o beneficiário receberá um adicional fixo, segundo o valor total na conta. Por exemplo, o valor a ser sacado varia de 50% do saldo sem parcela adicional, para contas de até R$ 500, a 5% do saldo e adicional de R$ 2,9 mil para contas com mais de R$ 20 mil.

Ao retirar uma parcela do FGTS a cada ano, o trabalhador deixará de receber o valor depositado pela empresa caso seja demitido sem justa causa. O pagamento da multa de 40% nessas situações está mantido. As demais possibilidades de saque do FGTS – como compra de imóveis, aposentadoria e doenças graves – não são afetadas pelo saque-aniversário.

*com informações da Agência Brasil e Caixa Econômica Federal

+++Acompanhe as principais informações sobre os benefícios sociais no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google News e acompanhe nossos destaques
Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.