MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Governo cria mecanismos para facilitar a saída de beneficiários do Bolsa Família; entenda

O governo federal espera a saída de 2,5 milhões de cadastro do Bolsa Família de pessoas que recebem o benefício de forma irregular

Governo cria mecanismos para facilitar a saída de beneficiários do Bolsa Família; entenda
Agência Senado
Victor Meira

Victor Meira

victor@jcconcursos.com.br

Publicado em 17/02/2023, às 17h16

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Nas últimas semanas, o governo federal apontou, em mais de uma oportunidade, que está fazendo um pente-fino no Bolsa Família para retirar as pessoas que são consideradas inelegíveis do programa social. Com isso, o governo criou um mecanismo para facilitar a saída de quem recebe o Bolsa Família de forma indevida de forma voluntária.

De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social, a saída voluntária pode ser feita por meio do aplicativo do Cadastro Único (CadÚnico) de segunda a sexta, das 7h às 21h.

+Contribuintes podem verificar lote residual de restituição do IR, anuncia Receita Federal

Se você recebe o Bolsa Família fique tranquilo, pois isso é recomendado apenas para quem recebe o benefício de forma irregular. Segundo a pasta, a medida é destinada a “quem foi induzido a se inscrever de forma incorreta para receber o Auxílio Brasil”, nome que substituiu o Bolsa Família adotado durante o governo de Jair Bolsonaro (PL). 

Podem se retirar do cadastro pessoas que declararam morar sozinhas, mas que moram com a família. A categoria é considerada pelo governo como a maior fonte de fraudes no Bolsa Família. 

A estimativa do Ministério é que 2,5 milhões de pessoas estejam recebendo o benefício indevidamente. Durante 2023, 5 milhões de pessoas se cadastraram como "morando sozinhas".

+Governo federal propõe reajuste de 8% a servidores públicos do Executivo a partir de março

Como sair do Bolsa Família de forma voluntária?

Para excluir o cadastro, basta acessar o aplicativo do Cadastro Único ou o site, clicar em “consulta completa”, depois no botão “voltar” e, no botão vermelho, escolher “cancele o seu cadastro” para confirmar a decisão. A recomendação do MDS é utilizar a versão mais recente do aplicativo. A pasta divulgou um passo a passo para auxiliar os interessados.

Para evitar sobrecarga nos locais de atendimento, o MDS definiu com municípios e estados um cronograma para a averiguação dos cadastros unipessoais, que irá de março a dezembro de 2023. “As pessoas serão avisadas por mensagens de extrato e até mesmo por SMS”, informou a pasta em nota.

+++Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.