MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Liga contra Fake News? 11 vencedores do Nobel montam cúpula global

Vencedores do prêmio Nobel discutem nesta semana, em Washington, nos Estados Unidos, maneiras de combater a disseminação de Fake News no mundo; Veja

Um homem segura um celular
Um homem segura um celular - Canva
Jean Albuquerque

Jean Albuquerque

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 22/05/2023, às 16h57

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Os vencedores do Nobel irão se reunir nesta semana para encontrar maneiras de combater a disseminação de Fake News. Os 11 agraciados com a premiação irão discutir estratégias para encontrar soluções para esse problema. 

Entre os participantes destacam-se as jornalistas Tawakkol Karman e Maria Ressa, vencedoras dos Prêmios Nobel da Paz em 2011 e 2021, respectivamente. Ambas são defensoras da liberdade de expressão, lutam contra líderes autoritários e estão engajadas na batalha contra as fake news. 

Além delas, outros vencedores do Prêmio Nobel são provenientes das áreas científicas, como química e física. A cúpula, intitulada "Truth, Trust and Hope Nobel Prize Summit" (Cúpula do Prêmio Nobel sobre Verdade, Confiança e Esperança), será realizada em Washington, nos Estados Unidos, entre os dias 24 e 26 de maio. 

+ Calendário de restituição do imposto de renda: veja datas para pagamentos

Disseminação de Fake News é um desafio global 

A Fundação Nobel, responsável pela administração do prêmio e organizadora do evento em conjunto com a Academia Nacional de Ciências dos EUA, destaca que a disseminação de notícias falsas é um dos maiores desafios globais da atualidade.

Em uma entrevista exclusiva à CNN, o diretor-executivo da Fundação Nobel, Vidar Helgesen, explicou o interesse da entidade nesse assunto. Ele ressaltou que a desinformação e a desconfiança nas ciências representam desafios para todas as disciplinas do Prêmio Nobel. 

A disseminação de desinformação pode minar a paz e a estabilidade tanto dentro dos países quanto nas relações internacionais. Para Marcia McNutt, presidente da Academia Nacional de Ciências dos EUA, "a verdade nunca foi tão importante como hoje". Ela destaca que isso fica evidente no número de vítimas fatais da pandemia e nos resultados de disputas políticas que são manipulados por meio da desinformação.

Propostas para combater a desinformação

A cúpula abordará diversas propostas para reduzir o impacto da desinformação na sociedade. Helgesen ressalta que reconhecem a complexidade do problema e não possuem uma agenda específica. O objetivo não é promover soluções particulares, mas convidar especialistas de destaque para discutir essas questões.

Além disso, o evento enfatizará exemplos positivos que têm obtido êxito em determinados lugares. O título da cúpula, "Verdade, Confiança e Esperança", reflete a intenção de demonstrar que é possível construir sociedades com níveis crescentes de confiança. 

Helgesen também abordou a discussão em andamento em diversas partes do mundo, inclusive no Brasil, sobre a necessidade de regular melhor o ambiente digital para punir aqueles que divulgam notícias falsas. Ele destaca que a regulamentação e outras abordagens serão tópicos centrais na cúpula. 

*Com informações da CNN Brasil 

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.