MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Nestlé compra marca de chocolates finos com acordo bilionário. Veja detalhes

Objetivo é a expansão das instalações de produção de chocolates e biscoitos. Nestlé também revelou plano de investimento no Brasil, totalizando R$ 2,7 bilhões até 2026

Nestlé também revelou plano de investimento no Brasil, totalizando R$ 2,7 bilhões até 2026
Nestlé também revelou plano de investimento no Brasil, totalizando R$ 2,7 bilhões até 2026 - Divulgação/JC Concursos
Pedro Miranda

Pedro Miranda

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 06/09/2023, às 18h50 - Atualizado em 07/09/2023, às 01h45

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

A gigante suíça de alimentos, Nestlé, anunciou aquisição de grande destaque no mercado brasileiro ao adquirir a Kopenhagen, uma das marcas mais reconhecidas no segmento de chocolates finos. O negócio foi fechado por um montante de quase R$ 4,5 bilhões, considerando ações mais dívidas. 

A transação marca a saída da Advent, uma renomada gestora que havia adquirido o controle da Kopenhagen em 2020. A escolha de vender para uma empresa do mesmo ramo, como a Nestlé, em vez de realizar uma oferta pública, que é quando vendem parte dela para os investidores, reflete o atual cenário do mercado de capitais no Brasil, que enfrenta desafios significativos.

Quando a Advent investiu na Kopenhagen, a empresa registrava um faturamento de R$ 450 milhões e lucro de R$ 120 milhões. Desde então, a companhia conseguiu praticamente dobrar essa margem, ultrapassando a marca de R$ 200 milhões.

+++ Profissão de Sommelier ganha NOVOS especialistas além do vinho

Nestlé também revelou plano de investimento no Brasil, totalizando R$ 2,7 bilhões até 2026

Com a conclusão da aquisição, a Nestlé assume o controle de uma rede com mais de 800 lojas da Kopenhagen e Brasil Cacau em todo o território brasileiro. Além desse marco, a Nestlé também revelou plano de investimento no Brasil, totalizando R$ 2,7 bilhões até o ano de 2026.

O objetivo desse investimento é a expansão de suas instalações de produção de chocolates e biscoitos, fortalecendo ainda mais a presença e atuação no mercado nacional.

Aquisição marca mais um passo importante para a Nestlé, vindo logo após a autorização recente do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), no início de agosto, para a incorporação da marca Garoto ao portfólio. A compra da Garoto, com sede em Vila Velha (ES) e valorizada em R$ 1 bilhão, representou um desafio judicial para a Nestlé, que perdurava desde 2004.

Com a união da Nestlé e Garoto, a gigante se consolidou na maior posição no mercado de chocolates do país, detendo aproximadamente 60% desse segmento. Para resolver questões relacionadas a essa concentração de mercado, foi estabelecido um acordo que impedia a Nestlé de adquirir, nos próximos cinco anos, qualquer empresa de chocolate que detenha mais de 5% de participação no mercado nacional. 

+Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.