MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Onda de calor: capitais do Brasil batem recordes de temperatura em 2023

Três capitais já quebraram seus recordes de temperatura para o ano de 2023 nesta semana. Previsão é que as temperaturas continuem a subir nos próximos dias

Previsão é que as temperaturas continuem a subir nas próximas semanas
Previsão é que as temperaturas continuem a subir nas próximas semanas - Divulgação/JC Concursos
Pedro Miranda

Pedro Miranda

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 21/09/2023, às 16h13

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Uma onda de calor intensa está impactando o Brasil, e três capitais já quebraram seus recordes de temperatura para o ano de 2023 nesta quarta-feira (20). Segundo informações do serviço de meteorologia Climatempo, Campo Grande, Boa Vista e Goiânia foram as primeiras a registrar temperaturas excepcionalmente altas.

Em Campo Grande, a temperatura máxima atingiu 36,0ºC, superando o recorde anterior de 35,2ºC em 2023. Goiânia viu os termômetros chegarem a 38,3ºC, superando o recorde anterior de 37,7ºC registrado em 13 de setembro. Já em Boa Vista, a temperatura atingiu impressionantes 40,6ºC, ultrapassando o recorde anterior de 40,1ºC registrado em setembro.

A Climatempo alerta que mais capitais brasileiras estão prestes a quebrar seus recordes de calor nos próximos dias, com a onda de calor atingindo seu ápice no fim de semana. Algumas delas, como Rio de Janeiro e Cuiabá, podem até mesmo estabelecer recordes históricos para o mês de setembro, e alguns recordes absolutos de calor podem ser batidos.

+++ Alerta meteorológico: baixa umidade do ar afeta 16 estados brasileiros. Veja como se cuidar

Previsão é que as temperaturas continuem a subir nas próximas semanas

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) também observou a intensificação do calor no Distrito Federal, onde a região administrativa do Gama registrou 34,6ºC, marcando a tarde mais quente do ano até agora. A previsão é que as temperaturas continuem a subir nas próximas semanas.

Os estados afetados pelo aumento da intensidade da onda de calor receberam alertas do Inmet, que elevou o nível do aviso para "grande perigo" devido às temperaturas acima da média. O alerta "vermelho" está em vigor em nove estados: Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, São Paulo, Mato Grosso, Pará, Goiás, Mato Grosso do Sul e Tocantins.

Com temperaturas extremamente altas e condições climáticas desafiadoras, as autoridades e a população estão sendo orientadas a tomar medidas de precaução e cuidado para evitar problemas de saúde relacionados ao calor intenso.

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.