MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Perdeu o prazo? Veja como sacar valores esquecidos do PIS/Pasep 2022

PIS/Pasep 2022 ainda não foi sacado por 399.975 trabalhadores, segundo dados do Ministério do Trabalho; Saiba como resgatar valores esquecidos

Carteira de trabalho digital
Carteira de trabalho digital - Agência Brasil - PIS/Pasep 2022
Jean Albuquerque

Jean Albuquerque

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 14/02/2023, às 18h03

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Existem 399.975 trabalhadores que ainda não sacaram o PIS/Pasep 2022, segundo dados recentes do Ministério do Trabalho. Saber como sacar o abono salarial, referente ao ano-base 2020, é essencial para os profissionais que perderam o prazo de resgate do benefício trabalhista, que terminou em 29 de dezembro do ano passado.

Segundo os dados, 99,47% dos trabalhadores já sacaram o PIS e 81,81%, resgataram o Pasep. Mesmo o prazo tendo sido finalizado, ainda é possível receber os valores esquecidos, basta solicitar uma reavaliação ao Ministério do Trabalho. Abaixo, veja como realizar o procedimento. 

+ Reajuste de bolsas da Capes 2023 em 40%? Entenda projeto que tramita na Câmara

Saiba como solicitar saque de valores esquecidos

As Superintendências Regionais do Ministério do Trabalho e Emprego (MTP) irão realizar o cadastramento dos processos de recursos e analisar cada situação individualmente. 

O trabalhador precisa realizar o procedimento por meio eletrônico, via e-mail, mandando o pedido para trabalho.uf@economia.gov.br. No caso, é necessário substituir as letras "ufs" pela sigla do estado onde reside o beneficiário. Por exemplo, se você mora em São Paulo deve encaminhar para o e-mail trabalho.sp@economia.gov.br.

Antes de realizar o procedimento, o cidadão precisa confirmar se de fato não ocorreu o crédito. Para fazer a consulta, o trabalhador pode entrar em contato com a central Alô Trabalhador pelo telefone 158. Se dirigir a uma das unidades de atendimento do MTP ou consultar no aplicativo Carteira de Trabalho Digital. 

No caso do aplicativo, ele é compatível com os celulares com sistema operacional Android e iOS. Ao realizar o login com CPF e senha na plataforma gov.br, o próximo passo é clicar em "Benefícios", e depois em "Abono Salarial".

Como sacar PIS/Pasep 2022?

Trabalhadores que recebem o PIS

  • Devem acionar a Caixa Econômica Federal, responsável pelo pagamento;
  • Saque pode ser feito na conta da CAIXA, para quem tem conta-corrente ou poupança no banco federal, ou no aplicativo CAIXA Tem, em conta poupança social digital;
  • Nos caixas eletrônicos; nas Casas Lotéricas; e nos correspondentes CAIXA Aqui, utilizando o Cartão Cidadão; ou em agência da CAIXA, com um documento oficial de identificação.

Servidores que recebem o Pasep 

  • Pagamento é feito pelo Banco do Brasil (BB);
  • É possível receber o benefício em conta-corrente ou poupança, o saque pode ser feito presencialmente em uma agência do BB, apresentando CPF e documento de identificação;
  • permitido realizar TED para conta de outro banco via caixa eletrônico ou pelo site www.bb.com.br/pasep.

Como consultar? 

Os trabalhadores que estiverem aptos a receber o benefício, podem baixar o aplicativo Carteira de Trabalho Digital para consultar as informações sobre o abono salarial. Outra maneira de consultar o PIS pode ser realizada pelo telefone 800-726-0207, via atendimento Caixa ao Cidadão. Para o Pasep, as consultas estão disponíveis no site do Banco do Brasil.

Veja quem tem direito ao abono salarial 

Tem direito a sacar o benefício, os trabalhadores com pelo menos cinco anos inscrito no PIS/PASEP e tenha trabalhado com carteira assinada por no mínimo 30 dias no ano anterior e remuneração mensal média de até dois salários mínimos. Veja requisitos: 

  • Cadastrado no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos
  • Receber remuneração mensal média de até dois salários mínimos com carteira assinada no ano-base
  • Ter exercido atividade remunerada para pessoa jurídica, durante pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, no ano-base considerado para apuração
  • Ter os dados informados pelo empregador corretamente na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS)/eSocial

No caso do benefício, o valor é cumulativo de acordo com a quantidade de meses trabalhados durante o ano-base até chegar ao salário mínimo, fixado como teto do PIS/PASEP em 2021 e já segue o reajuste efetuado pelo Governo Federal anualmente.

+++ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.