MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Prefeitura oferece curso de tecnologia com auxílio mensal de R$ 673,70; Inscrição aberta

As inscrições para a Bolsa Tech foram abertas nesta terça (2). Saiba quais são os requisitos e como se candidatar a uma das 500 vagas para o curso de tecnologia

Pessoa segura notas de cinquenta reais
Pessoa segura notas de cinquenta reais - Divulgação
Mylena Lira

Mylena Lira

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 02/05/2023, às 17h23

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Em comemoração ao Mês do Trabalho, a Prefeitura de São Paulo promove qualificação profissional aos jovens com a oferta de curso de tecnologia, no segmento de programação de computadores, e auxílio mensal de R$ 673,70. A capacitação e o benefício serão concedidos por seis meses.

Contudo, para ganhar a quantia é preciso ter pelo menos 85% de presença no curso. As inscrições para conseguir uma das 500 vagas da Bolsa Tech, iniciativa que integra o programa Bolsa Trabalho, foram abertas nesta terça-feira, 2 de maio, e podem ser realizadas de forma online por meio do Portal Cate.

Pode se candidatar quem atender, entre outros, aos seguintes critérios:

  • ter idade entre 16 e 20 anos;
  • residir na Capital;
  • estar desempregado;
  • não receber benefícios, como o seguro-desemprego.
  • estar matriculado em cursos vinculados ao sistema nacional de ensino de nível médio, inclusive profissionalizante; e
  • ter renda familiar “per capita” (por pessoa) de até meio salário-mínimo mensal.

A previsão de início do curso é 15 de maio. Os selecionados terão contato com conteúdo presencial e no sistema EAD, sobre programação em HTML, JavaScript, desenvolvimento web, entre outros. Além da parte técnica, os alunos contarão com mentorias para o desenvolvimento de competências socioemocionais.

+Salário mínimo de São Paulo é fixado em R$ 1.550, maior que o nacional

Contrata SP

Além de oferecer curso de tecnologia gratuito, a Prefeitura de SP também realiza mutirão com mais de 1.000 vagas de emprego, com processos seletivos nos dias 2 (terça), 3 (quarta) e 4 (quinta-feira) de maio, nas unidades Central e Interlagos do Cate – Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo.

Os salários variam entre R$ 700 (aprendiz) e R$ 3.000, sendo que a maioria das vagas exige a escolaridade entre o ensino fundamental e médio. Cerca de 4 mil candidatos se inscreveram pelo Portal Cate e estão passando por pré-seleção e agendamento para os dias da seleção.

Quem comparecer na data agendada, além de ter contato com as empresas e participar dos processos seletivos, poderá consultar os orientadores do programa Elabora da Prefeitura de São Paulo. O intuito é disponibilizar equipes para contribuir com o trabalhador na construção de um currículo adequado para o mercado e auxiliar para se saírem bem nas entrevistas do próprio evento.

As vagas disponibilizadas para o Contrata SP – Dia do Trabalho são em áreas do comércio, serviços e construção civil em cargos como repositor e caixa em supermercados, auxiliar de limpeza, porteiro, entre outros.

+Confira o calendário de pagamento do Bolsa Família em maio; Vale Gás não será pago

Programa Operação Trabalho

Outra iniciativa para esta semana é o POT – Programa Operação Trabalho, que está com 5 mil vagas para a população em vulnerabilidade social. O POT oferece capacitação profissional e frentes de trabalho a fim de gerar renda e preparação para o mercado de trabalho. As inscrições serão recebidas nos dias 4 e 5 de maio. A maioria das ações envolve zeladoria na cidade em praças, parques e equipamentos públicos.

Os selecionados irão contar com bolsa auxílio, de acordo com o projeto, que varia entre R$ 911,35 e R$ 1.367,10, respectivamente, com 20 e 30 horas semanais de capacitação e trabalho, de segunda a sexta-feira. Para se inscrever é necessário ter mais de 18 anos, morar na cidade de São Paulo, estar desempregado há mais de quatro meses e não receber benefícios como seguro-desemprego, FGTS, entre outros. A renda familiar deve ser de até meio salário mínimo por pessoa da família.

Dentro do Programa Operação Trabalho, ainda no mês de maio, a Prefeitura de São Paulo iniciará novas convocações das mulheres inscritas neste ano para o programa Mães Guardiãs. O grupo de mulheres atua na rede escolar municipal na busca ativa, a fim de evitar a evasão escolar.

Cerca de 2.000 mães e mulheres da comunidade escolar, que já passaram por pré-seleção, serão contatadas pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho para assinatura de termo de compromisso e responsabilidade em unidades do Cate – Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo.

+++Acompanhe as principais notícias sobre Sociedade no JC Concursos.

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.