MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Valores a Receber: contas inativas somam R$ 7,2 bilhões. Saiba como resgatar

Banco Central atualizou, nesta segunda-feira (11), dados do Sistema Valores a Receber; Saiba como consultar se tem dinheiro esquecido em contas inativas

Notas de dinheiro
Notas de dinheiro - Canva
Jean Albuquerque

Jean Albuquerque

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 11/09/2023, às 18h42

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Segundo dados do Sistema Valores a Receber (SVR) atualizados nesta segunda-feira (11) pelo Banco Central, os correntistas ainda possuem R$ 7,299 bilhões em contas inativas de bancos e outras instituições

Deste montante, a grande fatia de dinheiro a receber corresponde a R$ 5,852 bilhões, que tem como beneficiários 37.473.767 pessoas físicas. As pessoas jurídicas deixaram R$ 1,445 bilhões para 2.879.362 CNPJ.

O BC informou que até o momento, já foram devolvidos aos brasileiros o montante de R$ 4,707 bilhões, dos quais R$ 3,499 bilhões para pessoas físicas e R$ 1,208 bilhões para pessoas jurídicas.

Ainda de acordo com informações fornecidas pela autoridade financeira, os bancos são os principais detentores dos recursos ainda não devolvidos, totalizando R$ 4,261 bilhões, seguidos pelas administradoras de consórcios, com aproximadamente R$ 2,2 bilhões. 

Em seguida, vêm as cooperativas, com R$ 629,1 milhões; financeiras, com R$ 104,2 milhões; instituições de pagamento, com R$ 97,9 milhões. Corretoras, distribuidoras e outros atores do mercado somam R$ 20,7 milhões.

+ Por que oficiais do Exército mantêm salários mesmo afastados? Entenda como funciona

Veja valores disponíveis  

No período de fevereiro a julho, conforme o dado mais recente disponibilizado pelo Banco Central, o montante de recursos disponíveis para resgate aumentou de R$ 6,073 bilhões para os atuais R$ 7,299 bilhões. 

A maioria dos beneficiários, totalizando 28.825.415 pessoas, tem direito a valores de até R$ 10. Há também 11.610.437 beneficiários com valores entre R$ 10,01 e R$ 100, e 4.691.484 beneficiários com valores entre R$ 100,01 e R$ 1.000. Aqueles com valores a receber superiores a R$ 1.000,01 somam 814.857.

Como saber se tenho dinheiro para receber?

Para verificar se você tem algum valor a receber, inclusive em nome de pessoas falecidas, é possível consultar a página do Banco Central, que também fornece informações sobre como solicitar a devolução dos valores. 

O Banco Central ressalta que não é necessário efetuar qualquer pagamento para acessar os valores que a instituição não envia links ou contacta os beneficiários para discutir sobre os valores a serem recebidos ou confirmar dados pessoais. Todos os serviços relacionados aos valores a serem recebidos são gratuitos.

O BC destaca ainda que somente a instituição que aparece no Sistema de Valores a Receber tem autorização para entrar em contato com o beneficiário, e ela nunca solicitará senhas. Portanto, é aconselhável evitar clicar em links suspeitos enviados por e-mail, SMS, WhatsApp ou Telegram.

Saiba como sacar 

  • Entre no site valoresareceber.bcb.gov.br
  • Fazer login com a conta Gov.br (nível prata ou ouro); 
  • Ler e aceitar o termo de responsabilidade;
  • Verificar o valor a receber, a instituição que deve devolver o valor e a origem (tipo) do valor a receber; 
  • O sistema poderá fornecer informações adicionais, se for o caso;
  • Para sacar os valores - Clicar na opção indicada pelo sistema: "Solicitar por aqui": para devolução do valor via Pix em até 12 dias úteis; 
  • O usuário deverá escolher uma das chaves Pix e informar os dados pessoais e guardar o número de protocolo, caso precise entrar em contato com a instituição. "Solicitar via instituição": a instituição financeira não oferece a devolução por Pix;
  • O usuário deverá entrar em contato pelo telefone ou e-mail informado para combinar com a instituição a forma de retirada: Transferência Eletrônica Disponível (TED) ou Documento de Crédito (DOC).

+Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.