Tudo Sobre

Concurso Banco Central

Sancionada lei que cria cargos de procurador

O presidente Lula sancionou a lei que cria cem vagas para o cargo de procurador do Banco Central do Brasil (Bacen). As novas oportunidades deverão ser preenchidas por concursos.



Redação
Publicado em 15/06/2010, às 10h40

O presidente Lula sancionou a lei que cria cem vagas para o cargo de procurador do Banco Central do Brasil (Bacen). As novas oportunidades deverão ser preenchidas por concursos. O documento também estabelece o quantitativo de cargos das carreiras do órgão. Sendo assim, o Bacen deverá ter 6.470 servidores. Destes cargos, 300 devem ser para procurador, 861 para técnico e 5.309  para analista.

Requisitos - Para concorrer a uma vaga, os interessados deverão ser graduados em direito, ter inscrição na OAB e não possuir antecedentes criminais. De acordo com o projeto de lei que deu origem ao documento sancionado, os novos servidores serão responsáveis por desenvolver atividades de consultoria e assessoramento jurídicos à autarquia; devem realizar a apuração da liquidez e certeza dos créditos e prestar assistência aos administradores do banco no controle interno da legalidade dos atos por eles praticados.

Aumento das funções - O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, ressaltou que a criação dos cargos ocorrerá devido a um aumento de 35% no número das manifestações da Procuradoria-Geral do Banco Central entre 2000 e 2007, ano em que chegaram a 50 mil. Ainda de acordo com a proposta, o impacto orçamentário anual com a criação dos cargos será de R$ 17,072 milhões, que só se efetivará após a realização do concurso e o preenchimento das vagas.

Seleções anteriores – Em junho de 2009, o Bacen lançou dois editais para os cargos de procurador, analista e técnico. Havia 20 oportunidades para procurador. O salário oferecido foi de R$ 14.549,53. O Cespe/UnB foi responsável pela seleção e as inscrições custaram R$ 170. As oportunidades foram distribuídas entre o Distrito Federal (12) e as capitais dos Estados do Rio de Janeiro (3), São Paulo (2), Rio Grande do Sul (1) e Paraná (2). O concurso contou com provas objetivas, discursivas, oral, de títulos e um curso de formação. Para analista havia 350 ofertas e 150 destinadas aos técnicos. As remunerações eram de R$ 12.413,65 e R$ 4.896,25, respectivamente.

Samantha Cerquetani/SP

Veja também:

Serviço Funerário/SP: Concurso deverá ser lançado ainda em 2010

Previstos: órgãos somam mais de 1,2 mil vagas

+ Resumo do Concurso Banco Central

Bacen - Banco Central
Vagas: Não definido
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Não definido
Áreas de Atuação: Não definido
Escolaridade: Não definido
Faixa de salário:
Organizadora: O próprio órgão

+ Agenda do Concurso

15/06/2011 Divulgação do Resultado Adicionar no Google Agenda

Comentários

Mais Lidas