Consta no orçamento

Concurso SSP DF 2019: seleção para 450 vagas segue em pauta

Oportunidades do novo concurso SSP DF 2019 (Secretaria de Segurança Pública e Paz Social do Distrito Federal) é para 400 vagas de agente de atividades penitenciárias e 50 para agente de atividades complementares

0,00(0.0%)0 voto(s)

Fernando Cezar Alves
Publicado em 31/01/2019, às 15h20 - Atualizado em 25/06/2019, às 15h30

Concurso SSP DF 2019 - Amanhecer no Distrito Federal
Ed Alves

O concurso SSP DF 2019(Secretaria de Estado de Segurança Pública e Paz Social do Distrito Federal) segue em pauta para ocorrer ainda no segundo semestre deste ano. Embora a seleção ainda dependa de autorização por parte do governador Ibaneis Rocha, já conta com previsão na Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2019, para o preenchimento de 450 vagas. Do total, 400 são para o cargo de agente de atividades penitenciárias e 50 para agente de atividades complementares de segurança pública. No primeiro caso, para concorrer é necessário possuir formação de nível superior, com remuneração inicial de R$ 4.745. Para agente de atividades complementares é exigido ensino médio e formação de cunho técnico, com inicial de R$ 5.000. Para os dois cargos do concurso SSP DF 2019, a jornada de trabalho é de 40 horas semanais.   

Além disso, os dois cargos contam com plano de carreiras, que garantem melhorias salariais no decorrer do exercício. Para as duas opções, a progressão é feita por meio de quatro classes, com cinco padrões cada. No caso de agente de atividades penitenciárias, para um servidor em final de carreira, a remuneração chega a R$ 6.369,83, enquanto para agente de atividades complementares chega a R$ 8.059,09.

Concurso SSP DF 2019 - como foi a última seleção

Para agente de atividades penitenciárias, o último concurso SSP DF ocorreu em 2015, com uma oferta de 1.100 vagas, sendo 200 para preenchimento imediato e 900 para formar cadastro reserva de pessoal.  A organizadora foi a Fundação Universa e a prova objetiva contou com 150 itens, sendo 50 de conhecimentos básicos e 100 de conhecimentos específicos. Em conhecimentos básicos foram abordados temas de língua portuguesa, atualidades, ética no serviço público, noções de informática e raciocínio lógico. Em conhecimentos específicos, noções de direito constitucional, noções de direito administrativo, noções de direito penal,  noções de direito processual penal e noções de direito humanos.

Para agente de atividades complementares, o último concurso SSP DF foi em 2011. A organizadora foi o Instituto Iades, para 46 vagas. A prova objetiva contou com 60 questões, sendo 20 de conhecimentos básicos, com peso um, e 40 de conhecimentos específicos, com peso dois. Em conhecimentos básicos foram cobrados temas de língua portuguesa, atualidades, noções de matemática e raciocínio lógico e legislação aplicada aos servidores do IML.     

Comentários

Mais Lidas