MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Bolsa Família 2023: 2,5 milhões recebem benefício indevidamente; diz ministro

Ministro do Desenvolvimento Social, Wellington Dias, disse hoje (9), que existem 2,5 milhões de famílias recebendo o Bolsa Família 2023 indevidamente

Uma mulher segura o cartão do Bolsa Família e notas de dinheiro
Uma mulher segura o cartão do Bolsa Família e notas de dinheiro - Agência Brasil - Bolsa Família 2023
Jean Albuquerque

Jean Albuquerque

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 09/02/2023, às 15h00

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O ministro do Desenvolvimento Social e Assistência Social, Família e Combate à Fome, Wellington Dias, informou nesta quinta-feira (9), que existem fortes indícios de que cerca de 2,5 milhões de famílias recebem o Bolsa Família 2023 indevidamente. 

A informação foi obtida após a revisão de dados do programa de transferência de renda do governo federal, e segundo o ministro, o resultado deste pente-fino devem ser apresentados ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ainda neste mês. 

As informações é do G1, dada por Dias após visita a uma unidade da Cozinha Solidária — projeto do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), no Sol Nascente, no Distrito Federal.

A avaliação do chefe da pasta é de que as "mais ou menos 2,5 milhões destes que recebem têm grandes indícios de irregularidade". Segundo Dias, existem mais de 10 milhões de beneficiários passando pela revisão de cadastros.  

+ Inflação perde força em janeiro, com a ajuda da cebola; veja as principais variações de preços

Bolsonaro fez uma "bagunça"no CadÚnico 

O entendimento do ministro é de que o governo Jair Bolsonaro (PL), para conseguir a reeleição, realizou uma verdadeira "bagunça" no Cadastro Único (CadÚnico) para que as famílias recebessem o benefício indevidamente. 

“Foi desmantelado o cérebro do cadastro único. É como se tivesse uma bagunça para perder o controle", afirmou ao portal. Além de destacar que existem famílias com renda elevada, com nove salários mínimos recebendo o Bolsa Família. 

Sobre o assunto, ele afirmou que enquanto há essas famílias, também existem "pessoas sem renda, com fome, que não conseguem acessar [o programa]. É mais que uma atualização de cadastro, é justiça social", disse.

Veja quem pode receber o benefício

Segundo as regras do governo, estão aptas a receber o benefício as famílias que estão em situação de extrema pobreza; com renda por pessoa de até R$ 105 e em situação de pobreza; renda familiar de até R$ 210. O beneficiário pode receber o benefício mesmo tendo emprego por até dois anos, quando possui rende per capita até R$ 525. 

+++ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.