Caixa paga auxílio emergencial para beneficiários do Bolsa Família

O auxílio emergencial de R$ 300 foi criado para amenizar a crise econômica provocada pela pandemia do novo coronavírus

Redação
Publicado em 17/11/2020, às 09h45

None
Divulgação

Nesta terça-feira (17), a Caixa realizou o pagamento da terceira parcela da extensão do Auxílio Emergencial para os beneficiários do Bolsa Família com o NIS (Número de Identificação Social) final 1. Segundo o banco, foram liberados R$ 423,3 milhões para 1,6 milhão de beneficiários. 

Ao todo, mais de 16 milhões de pessoas cadastradas no programa Bolsa Família foram consideradas elegíveis para a segunda parcela do Auxílio Emergencial Extensão e receberão, no total, R$ 4,2 bilhões durante o mês de novembro.

Para quem tem o Bolsa Família nada muda. O recebimento do Auxílio Emergencial Extensão atende aos mesmos critérios e datas do benefício regular, permitindo a utilização do cartão nos canais de Autoatendimento, Unidades Lotéricas e correspondentes Caixa Aqui; ou por crédito na conta Caixa Fácil.

Para o pagamento do auxílio, os beneficiários do Bolsa Família tiveram avaliação de elegibilidade realizada pelo Ministério da Cidadania – conforme Medida Provisória nº 1.000, de 2 de setembro de 2020 – e recebem o valor do Programa Bolsa Família complementado pela extensão do auxílio emergencial em até R$ 300 ou em até R$ 600, no caso de mulher provedora de família monoparental.

Se o valor do Bolsa Família for igual ou maior que R$ 300 ou R$ 600, o beneficiário receberá o valor do Bolsa Família, sempre privilegiando o benefício de maior valor.

*trechos com reprodução Agência Brasil

Comentários

Mais Lidas