MenuJC Concursos
Busca
Notícias | | Aulas Grátis | Provas anteriores | Simulados | Empregos | Brasil

Chuva em Petrópolis: vítimas de enchente podem sacar até R$ 6,2 mil do FGTS

Cidade está em estado de emergência após morte de 66 pessoas e previsão é de mais chuva em Petrópolis; saiba como obter o saque calamidade do FGTS

Mylena Lira | redacao@jcconcursos.com.br
Publicado em 16/02/2022, às 15h40 - Atualizado às 15h59

Chuva em Petrópolis: parentes buscam familiares desaparecidos
Chuva em Petrópolis: parentes buscam familiares desaparecidos - Tânia Rego/Agência Brasil
WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

Mais de 60 pessoas morreram e outras vítimas estão desaparecidas após o grande volume de chuva em Petrópolis, localizada na região serrana do Rio de Janeiro. O temporal que atingiu a cidade também obrigou 180 moradores de área de risco a sairem de suas casas e irem para abrigos improvisados em escolas. Segundo o Corpo de Bombeiros, foram registradas mais de 200 ocorrências só sobre deslizamentos e o Morro da Oficina concentra o maior número de vítimas soterradas. As buscas continuam. 

Cerca de 400 militares foram enviados para combater os estragos causados pela chuva em Petrópolis: ruas cheias de lama, casas totalmente destruídas, carros amontoados levados pela enchente e vidas ceifadas. O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PL), foi até a cidade e também enviou maquinário para auxiliar no trabalho desempenhado pelas equipes.

Diante desse triste cenário, a prefeitura decretou estado de calamidade pública. Ontem (15), choveu o volume esperado para todo o mês, ocasionando a tragédia em Petrópolis. Para hoje, 16 de fevereiro de 2022, está previsto mais chuva em Petrópolis, mas não deve passar do estágio moderado.

Chuva em Petrópolis: vítimas têm direito ao saque calamidade do FGTS

Saque calamidade é o nome do benefício disponibilizado para trabalhadores afetados por desastre natural que tenha atingido a área onde reside. O dinheiro tem origem na conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Sendo assim, apenas quem tem saldo no FGTS pode fazer o saque.

Portanto, após o decreto de calamidade pública editado pelo governo local, a tragédia ocasionada pela chuva em Petrópolis dá direito ao benefício, que pode vir em boa hora para ajudar na reestruturação das famílias que perderam suas casas.

Como fazer o saque calamidade do FGTS?

As vítimas da chuva em Petrópolis podem solicitar o saque calamidade pelo celular, de forma online, por meio do aplicativo FGTS, na opção Meus Saques. Não precisa o trabalhador ir até uma das agências da Caixa Econômica Federal, apenas ter saldo positivo na conta do FGTS e não ter realizado saque pelo mesmo motivo nos últimos 12 meses.

Há um limite de saque. O valor máximo para retirada é de R$ 6.220. A quantia pode ser creditada em uma conta da Caixa, inclusive a Poupança Digital Caixa Tem, a mesma utilizada para regaste de outros benefícios sociais, como o Auxílio Brasil e o Auxílio Emergencial. Também é possível indicar uma conta de outra instituição financeira para receber os valores, sem nenhum custo.

Quem preferir sacar direito na agência da Caixa, de maneira presencial, deve levar a documentação abaixo indicada:

  • Comprovante de residência em nome do trabalhador (conta de luz, água, telefone, gás, extratos bancários, carnês de pagamentos, dentre outros), emitido nos últimos 120 dias anteriores à decretação da emergência ou calamidade havida em decorrência de desastre natural; ​
  • Na falta do comprovante de residência, o titular da conta do FGTS poderá apresentar uma declaração emitida pelo Governo Municipal ou do Distrito Federal, atestando que o trabalhador é residente na área afetada. A declaração deverá ser firmada sobre papel timbrado e a autoridade emissora deverá por nela data e assinatura;
  • Também deverá ser mencionado na declaração: nome completo, data de nascimento, endereço residencial e número do CPF do trabalhador;
  • Documento de identificação do trabalhador ou diretor não empregado;
    CPF; e
  • CTPS física ou CTPS Digital ou qualquer outro documento que comprove o vínculo empregatício.

++++Acompanhe as principais notíciais sobre Sociedade no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google News e acompanhe nossos destaquesSociedadeBrasil

Comentários

Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.