MenuJC Concursos
Busca
Notícias | | Aulas Grátis | Provas anteriores | Simulados | Empregos | Brasil

Mais de 560 mil trabalhadores ainda não sacaram o PIS/Pasep; saiba mais

Ainda restam cerca de 520 milhões para os trabalhadores sacarem. O valor é referente ao abono salarial do PIS/Pasep de 2020; veja como sacar

Pedro Miranda* | redacao@jcconcursos.com.br
Publicado em 07/04/2022, às 18h59

O valor é referente ao abono salarial do PIS/Pasep de 2020
O valor é referente ao abono salarial do PIS/Pasep de 2020 - Agência Brasil
WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmail

Mais de 560 mil trabalhadores ainda não foram retirar o abono salarial do PIS/Pasep referentes a 2020. De acordo com o Ministério do Trabalho e da Previdência, mais de R$ 523 milhões estão aguardando o saque que poderá ser feito até 29 de dezembro de 2022.

Ao seguir o calendário oficial de liberações, 71% do total de pessoas que não sacaram o dinheiro foram funcionários públicos e militares, que recebem o Pasep do Banco do Brasil. Os trabalhadores elegíveis do setor privado têm o mesmo prazo para retirar do PIS pela Caixa Econômica Federal.

+++Cadastro Único lança novo aplicativo e supera 200 mil usuários. Veja vantagens

Veja quem tem direito ao PIS/Pasep

  • Trabalhou com carteira assinada ou como servidor por, no mínimo, 30 dias, consecutivos ou não, em 2020;
  • Está cadastrado no programa ou no Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS) há pelo menos cinco anos, ou seja, o primeiro emprego com carteira assinada deve ter ocorrido em 2015 ou antes;
  • Recebeu até dois salários mínimos médios de remuneração mensal no ano-base, o que corresponde a R$ 2.090, considerando-se o salário mínimo de R$ 1.045 vigente em 2020;
  • Teve seus dados informados pelo empregador (pessoa jurídica ou governo) corretamente na Rais ou no eSocial.

O Ministério do Trabalho e Previdência começou a receber recursos administrativos na terça (5) desta semana para quem é inelegível, mas entende que tem direito aos benefícios. É necessário enviar um e-mail para trabalho.uf@economia.gov.br para alterar a frase "UF" para a sigla do estado de residência. Por exemplo, para alguém de São Paulo, o e-mail é trabalho.sp@economia.gov.br.

O benefício pode ser consultado através de diversos canais

  • Pelo telefone: pelo número 158;
  • No aplicativo Carteira de Trabalho Digital: o aplicativo pode ser baixado ou atualizado em celulares com sistema operacional Android e sistema iOS. Segundo o ministério, é "extremamente recomendável" que os trabalhadores atualizem para a última versão do aplicativo. Sem a atualização não será impossível verificar o direito, o valor do abono, o dia e o banco para recebimento;
  • No portal gov.br: o site dá acesso às mesmas informações sobre o abono da Carteira de Trabalho Digital.

Saiba como sacar o PIS

Os clientes da Caixa recebem dinheiro automaticamente em sua conta corrente ou poupança. Se eles estiverem no calendário oficial e não tiverem crédito, isso significa fazer uma consulta através do seu extrato bancário. Quem não tem conta na Caixa recebe o valor em uma caderneta de poupança social digital aberta pela Caixa, que pode ser operada pelo aplicativo Caixa Tem.

Nele, você pode pagar contas, fazer compras ou transferir dinheiro para outra conta bancária. As retiradas também são permitidas após a geração da senha. Caso o valor não tenha sido fornecido, o portador do Cartão do Cidadão e da senha poderá sacar o abono em caixas eletrônicos, bilhetes de loteria e nos correspondentes Caixa Aqui.

Para os trabalhadores que não possuem conta Caixa ou cartão de cidadão e senha, os levantamentos devem ser efetuados numa agência da Caixa mediante apresentação de documento oficial com fotografia.

Confira como sacar o Pasep

O Pasep é pago aos servidores públicos com base no número final do registro. Os clientes do Banco do Brasil serão pagos diretamente em sua conta. Quem não recebeu terá até 29 de dezembro para reclamar o pagamento.

Nos caixas eletrônicos do Banco do Brasil ou no portal através do site, os funcionários podem transferir dinheiro para sua conta bancária via TED (transferência eletrônica disponível). É necessário informar o número de inscrição no Pasep, CPF e data de nascimento.

Os saques também podem ser feitos nas agências do Banco do Brasil mediante apresentação de RG, passaporte ou CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

*Estagiário sob supervisão do jornalista Jean Albuquerque

+++ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google News e acompanhe nossos destaquesSociedadeBrasil

Comentários

Voltar ao topo

+Mais Lidas

JC Concursos, o seu Jornal dos Concursos de sempre. Imparcial, independente, completo.