MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

MINHA CASA MINHA VIDA: governo amplia subsídio para até R$ 140 mil

Governo publicou nesta quarta-feira (8) no Diário Oficial da União portaria que regulamenta o programa MINHA CASA MINHA VIDA; Saiba todos os detalhes

Habitações contruídas pelo programa MINHA CASA MINHA VIDA
Habitações contruídas pelo programa MINHA CASA MINHA VIDA - Governo da Bahia
Jean Albuquerque

Jean Albuquerque

redacao@jcconcursos.com.br

Publicado em 09/03/2023, às 15h40

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

O governo federal publicou nesta quarta-feira (8) no Diário Oficial da União (DOU) portaria que regulamenta o programa MINHA CASA MINHA VIDA, os subsídios podem chegar até R$ 140 mil. 

A medida regulamenta as operações com recursos do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR) e do Fundo de Desenvolvimento Social (FDS), no âmbito do Programa Nacional de Habitação Urbana (PNHU), e sobre as operações contratadas do Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR). 

+ Dinheiro Esquecido: pessoa resgata R$ 328 mil pelo sistema do Banco Central

Veja grupo beneficiado 

O objetivo é o de proporcionar que as unidades habitacionais que já haviam sido contratadas e não foram concluídas sejam entregues. Com isso, o subsídio pode chegar a 95%, o que corresponde a R$ 140 mil nas cidades e R$ 60 mil em áreas rurais. O governo fez o anúncio em sua página oficial do Instagram. Veja:

Os beneficiados com a portaria são da Faixa 1, destinada às famílias mais vulneráveis, que conta com renda mensal bruta de até R$ 2.640 em áreas urbanas e renda bruta anual de até R$ 31.680.

De acordo com o governo, o grupo citado acima são os dois mais vulneráveis que representam 70% do deficit habitacional no país. O compromisso é de que milhão de famílias tenham direito à moradia nos próximos anos. 

Retorno do programa de habitação 

O retorno do Minha Casa Minha Vida foi anunciado pelo ministro das Cidades, Jader Barbalho Filho, no início de janeiro. Segundo o ministro, o governo tem assegurado R$ 10 bilhões para investimento na área em 2023. 

De acordo com o ministro, em meio a pandemia de covid-19, mais de um milhão de pessoas foram despejadas ou ameaçadas de despejo. O ministro ainda afirmou durante cerimônia que o Brasil possui um déficit habitacional de 5,9 milhões de moradias. 

Ele também ressaltou que o Minha Casa Minha Vida, criado pelo governo Lula em 2009, contratou 4,2 milhões de residências até 2016. O ex-presidente Jair Bolsonaro em 2020 chegou a substituir o nome do programa pelo Casa Verde e Amarela. 

+++ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.