MenuJC Concursos
Busca
Últimas Notícias | | Empregos | Sociedade | youtube jc | WEBSTORIES

Saiba quais são os erros mais frequentes na declaração de IR 2023

Especialista em finanças recomenda que o contribuinte que deseja fazer a declaração do Imposto de Renda sozinho assista a tutoriais para não errar no preenchimento

Saiba quais são os erros mais frequentes na declaração de IR 2023
Shuttestock
Victor Meira

Victor Meira

victor@jcconcursos.com.br

Publicado em 07/03/2023, às 18h50

WhatsAppFacebookTwitterLinkedinGmailGoogle News

Logo mais inicia o prazo para declarar o Imposto de Renda (IR) em 2023. Ele começa no dia 15 de março e irá até 31 de maio. Este ano, deverá pagar imposto quem ganhou a partir de R$1.903,98 por mês em 2022. A Receita Federal prevê que mais de 36 milhões de pessoas devem declarar o Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF).

Muitos contribuintes preferem fazer a declaração do Imposto de Renda de forma autônoma, sem a necessidade de um profissional da área de contabilidade. Contudo, o preenchimento da ferramenta exige bastante atenção porque há muitos detalhes para ficar atento. 

+Saque-aniversário do FGTS: governo Lula deve apresentar outra alternativa ao fim da medida

Nátaly Zamaro, CEO da Spot Finanças, reforça este argumento ao citar que há erros que são muito comuns na hora da declaração. "Muitos erros acontecem, por ser um processo que precisa de muita atenção aos detalhes. Se a pessoa não conhece o sistema, e o que é a declaração, a chance de errar é enorme. É muito comum acontecer erros de digitação e de falta de lançamentos, por exemplo”, comenta.

Segundo Zamaro, é importante estar sempre atento para evitar ser selecionado para a malha fina, o que ocorre quando a Receita Federal identifica erros na declaração do Imposto de Renda, como valores inconsistentes, omissão de rendimentos ou informações cadastrais incorretas, dentre outras possibilidades.

Para quem está fazendo as primeiras declarações e ainda deseja fazer sozinho, a CEO pede atenção dos contribuintes. "O que eu mais recomendo é assistir ao máximo de tutoriais possível para conseguir fazer a declaração sozinho. Mas se as dúvidas começarem a persistir, recomendo fortemente que um contador seja procurado. Uma boa dica é se manter atento nos pontos que tornam mais difícil declarar o IR, por exemplo, inventário, aplicações de renda variável, etc”, explica.

+Privatizações ameaçadas: BNDES deve frear projetos na área de saneamento

Conforme ressalta a especialista, a ocorrência de erros ou inconsistências na declaração do Imposto de Renda pode acarretar em multas e, em casos mais graves, as fraudes podem resultar em acusações de crime tributário para o contribuinte.

+++Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil

JC Concursos - Jornal dos Concursos. Imparcial, independente, completo.